domingo, 31 de julho de 2016

Famílias Portuguesas nas Missões: Família de Bernardo José Rodrigues

Famílias Portuguesas nas Missões:
Família de Bernardo José Rodrigues
Autoria de Zélce Mousquer
Edição e acréscimos de Diego de Leão Pufal

[publicado em 31/07/2016]
[atualizado em 25/11/2017]


[Esta publicação pode ser utilizada pelo(a) interessado(a), desde que citada a fonte: MOUSQUER, Zélce e PUFAL, Diego de Leão. Famílias Portuguesas nas Missões: a família de Bernardo José Rodrigues, in blog Antigualhas, histórias e genealogia, disponível em http://pufal.blogspot.com.br/]

[acréscimos, dúvidas e correções escreva para diegopufal@gmail.com]
Na presente pesquisa foram utilizadas as seguintes abreviaturas/siglas:

“bat.” para “batizado(a)”;
“Bn.” para bisneto(a);
“c/c” para “casado(a) com”;
“F.” para filho(a);
“fal.” para “falecido(a)”.
“n.” para “nascido(a)”;
“N.” para neto(a);
***
O tenente-coronel Bernardo José Rodrigues nasceu em torno de 1835, talvez em Portugal e faleceu a 28.1.1888 em Santo Ângelo/RS. Foi casado com Joaquina Fernandes, n. 1845 talvez em São Luiz Gonzaga/RS e fal. 10.03.1913, em Santo Ângelo, com quem teve 9 filhos a saber: Idalina, Josefina, Hortência, Lucídio, Ana Isabel/Elisabete, Tridentino, Emílio, Esmênio e Emília.

Bernardo José Rodrigues integrou a Câmara de Vereadores de Santo Ângelo/RS nas eleições de 1875, 1881 e 1883.
Tte-Cel. Bernardo José Rodrigues
[foto obtida no cemitério municipal de Santo Ângelo]

Sua antiga residência abriga, hoje, o Museu Municipal Dr. José Olavo Machado, residência esta que foi construída entre os anos de 1860 a 1870, e desde 1994 encontra-se tombada pelo patrimônio Histórico do Município de Santo Ângelo/RS, constituindo-se numa das mais antigas edificações conservadas do período pós-jesuítico na região missioneira.

Fachada do Museu Municipal Dr. Olavo José Machado

O museu foi a quinta casa a ser reconstruída depois do fim da redução. Foi arquitetado com as pedras Itacuru, que anos antes haviam dado forma à catedral, por exemplo – diz a historiadora e coordenadora do espaço, Clotilde Farias.

Bernardo e esposa geraram os filhos:
F1. Idalina Josefina Rodrigues, n. cerca de 1860, São Luiz Gonzaga/RS e fal. 17.10.1896, Santo Ângelo/RS, onde casou por volta de 1883 com Vicente José Rodrigues, n. 19.7.1852, Bagé/RS, comerciante, e fal. 4.2.1923 Santo Ângelo/RS, filho de Vicente Rodrigues e Júlia Rodrigues, moradores de Bagé.
        Vicente José Rodrigues

N1. Hermínio Manoel Rodrigues n. 22.1.1883. Teve seu inventário autuado em 1916 em Santo Ângelo/RS.
N2. Alzira Rodrigues, n. 10.4.1884 e fal. 1979. Casou com Theodomiro Reis. Pais de:
Bn1. Otilia Rodrigues Reis, n. Santo Ângelo/RS. Casou aos 18 anos, em 7.6.1924 com Florimundo dos Santos, então com 24 anos, n. Quarai/RS, filho de Florimundo Ferdinando dos Santos e Zulmira Pirena (?).
Bn2. Diva Rodrigues Reis
N3. Vicentina Rodrigues, n. 23.8.1887.
N4. Otacília Rodrigues n. em 15.8.1889, Sapiranga/RS, onde fal. aos 86 anos, em 2.10.1972. Casou a 8.2.1912, em Santo Ângelo/RS, com João Carlos Grass Licht, n. 11.3.1878, Santo Ângelo, onde fal. aos 90 anos, em 28.8.1968, filho de João Henrique Druck Licht  e Maria Idalina Luiza Hoffmeister Grass. 
N5. Donatilla Rodrigues, n. 6.5.1891, Santo Ângelo/RS, onde casou aos 22 anos, em 15.1.1914, com Antônio de Mello, 27 anos, natural de São Borja/RS, filho de José de Mello Pacheco de Rezende (fal. cerca de 1895 Soledade/RS), e Corina Carbhum. Donatilia e Antônio foram moradores em Antônio Chaves/RS e São Borja/RS.
N6. Júlia Rodrigues, n. 16.4.1893, Santo Ângelo.
N7. Lucídio Rodrigues Sobrinho, n. 16.1.1895, Santo Ângelo, onde casou em 1929 com Julieta Escobar Guimarães, n. 7.9. 1895 Itaqui/RS, moradora no Rio de Janeiro, filha de Ovídio Marques Guimarães, fal. 1.5.1911 em Porto Alegre/RS e Antônia Escobar Guimarães, fal. 2.6.1901 em São Gabriel/RS, neta paterna de Cândido José Guimarães e Maria Marques Guimarães, e materna, de Ildefonso Escobar e Cândida Escobar.
N8. Idalina Rodrigues, n. 10.10.1896.
F2. Josefina Rodrigues, n. São Luiz Gonzaga/RS, casada com Ângelo Obino, moradores em Bagé/RS.
F3. Hortência Rodrigues, n. 1869, Santo Ângelo/RS, onde casou em 1888 com Felipe Lied, n. 1865, Santa Maria/RS, criador, filho de Jacob Lied e Maria Catharina.  Pais de:
N1. Ana Isabel Lied, n. 10.12.1889. Casou em 1911, Santo Ângelo/RS, com Zeferino da Silva Monteiro, então com 28 anos, natural do 1º distrito de Santo Ângelo/RS, filho de João da Silva Monteiro[1] e Ana Francisca da Silva. Os avós paternos de Zeferino foram o capitão Inácio José Monteiro[2] e Roberta das Dores Nardes (n. 8.4.1827, Itapetininga e fal. 23.3.1896, Santo Ângelo/RS) e os avós maternos foram Feliciano José da Silva e Gertrudes Maria de Oliveira. Pais de:
Bn1. Josefina da Silva Monteiro n. 13.5.1881, Santo Ângelo/RS, c/c José da Silva Vianna 28 anos em 1910, filho do Cap. Francisco da Silva Vianna e Carlota Maria da Silva. Os avós paternos de José foram Joaquim da Silva Vianna e Maria Rita de Oliveira/da Silva. Seus avós maternos foram Feliciano José da Silva e Maria Gertrudes de Oliveira.

Bn1. Paulino da Silva Monteiro, n. 10.12.1889 em Santo Ângelo/RS.
N3.Franklim Lied, fal. março de 1868 em Santo Ângelo/RS, onde casou aos 27 anos a 30.6.1914 com Angélica Appel de Figueiredo, então com 27 anos e fal. a 9.11.1941, filha de ... Figueiredo e Alzira Appel.
N4. Lucídio Lied, n. 6.10.1890 em Santo Ângelo/RS.
N5. Jacob Lied, n. 29.11.1891, Santo Ângelo/RS.
N6 Flávio Lied, n. 26/11/1899, Santo Ângelo/RS.
N7. Judite Lied, n. 27.3.1905, Santo Ângelo/RS
F4. Lucídio José Rodrigues Sobrinho, n. São Luiz Gonzaga/RS (?) e faleceu aos 20 anos, a 7.12.1866 em Santo Ângelo/RS.
F5. Ermínio Rodrigues, n. 9.11.1876 e fal. 06.06.1877, Santo Ângelo.
F6. Ana Isabel ou Ana Elisabete Oliveira Rodrigues, n. 15.11.1878, bat. 21.12, Santo Ângelo/RS. Foi moradora de Bagé/RS. Casou com Antônio Júlio de Andrade.
F7. (Tridentino) Ulysses José Rodrigues, n. em torno de 1882 em Santo Ângelo/RS, onde casou a 29.6.1911 com Isabel Oliveira, ali n., filha do Cel. Bráulio Oliveira e Belmira Moraes Oliveira. Ulysses Rodrigues foi intendente de Santo Ângelo/RS, entre 1928-1930 e depois prefeito 1935-1938. Promotor público nomeado em 1911.


Dr. Ulisses Rodrigues

F8.  Esmênio Rodrigues, fal. 06.06.1877 em Santo Ângelo/RS.
F9. Emília Rodrigues, fal. 20.9.1888 em Santo Ângelo/RS.
***
Fontes de pesquisa:
- Arquivo da Cúria de Santo Ângelo: batismos, matrimônios e óbitos        
- Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul: inventários de Santo Ângelo.
- BINDÉ, Wilmar Campos. Santo Ângelo - Terra de muitas histórias. Ijuí: Multicor, 2006.
- Cemitério Municipal de Santo Ângelo;
- Microfilmes da igreja mórmon, do registro civil de Santo Ângelo/RS.
- Museu Olavo Machado - Santo Ângelo/RS. Disponível em http://museuolavomachado.blogspot.com.br/p/historico.html


[1] João da Silva Monteiro e Ana Francisca da Silva foram pais;
1. Josefina da Silva Monteiro c/c José da Silva Vianna.
2. Zeferino da Silva Monteiro c/c Ana Isabel Lied.
3. Inácio da Silva Monteiro c/c Esmerilda da Silva Rodrigues.
4. Paulino da Silva Monteiro
[2] Inácio José Monteiro (com inventário autuado em 1889, Santo Ângelo/RS) e Roberta, falecida em 23.3.1896, Santo Ângelo/RS, foram pais de:
1. Antônio da Silva Monteiro
2. João da Silva Monteiro c/c Ana da Silva Monteiro
3. Maria Delfina c/c João Correia de Camargo
4. Marciana c/c José Maria Preto de Oliveira e pais de Edmundo Preto de Oliveira.
[3] Cap. Feliciano José da SIlva e Gertudes foram pais de:
1. Florência Maria da Silva
2. Maria Luisa da Silva c/c Xavier da Silva Vianna.
3. Antônio c/c Rufina de Oliveira.
4. Feliciano José da Silva c/c Francisca Rodrigues da Silva (?)
5. Carlota Maria da Silva c/c Francisco da Silva Vianna.
6. Ana Francisca Maria da Silva c/c João da Silva Monteiro.
7. Lúcia da Silva
8. Anastácia da Silva c/c Simplício da Silva Vianna.
9. Rita Maria de Oliveira c/c Joaquim da Silva Vianna e, após, em 1882 já estava c/c Luiz Maciel Cezar.
10. Fidêncio
11. Liberato
12. Sizinando