terça-feira, 1 de outubro de 2013

Portugueses nas Missões: os Cavalheiro do Amaral

Famílias Portuguesas nas Missões:
os Cavalheiro do Amaral
autoria de Zélce Mousquer
acréscimos e edição de Diego de Leão Pufal
[dúvidas, acréscimos e correções, escreva para diegopufal@gmail.com]


[Esta publicação pode ser utilizada pelo(a) interessado(a), desde que citada a fonte: MOUSQUER, Zélce e PUFAL, Diego de Leão. Famílias Portuguesas nas Missões: os Cavalheiro do Amaral in blog Antigualhas, histórias e genealogia, disponível em http://pufal.blogspot.com.br/] 

[publicado em 1º/10/2013]
[atualizado em 18/02/2017]

***
A pesquisadora D. Ismênia Ribeiro Schneider, em “Notas Biográficas dos Dez Fazendeiros que assumiram a chefia da Fundação de São Joaquim da Costa da Serra” (in http://genealogiaserranasc.blogspot.com/), referindo-se à família Cavalheiro do Amaral, escreve:
[...] O mais remoto ancestral de que se tem notícia, porém, foi o Sargento-Mor MIGUEL PEDROSO LEITE (1726-1811), natural de Porto Alegre, filho de Antônio Pedroso Leite e Maria Paes de Almeida Cavalheiro, c.c. INOCÊNCIA PEREIRA PINTO (1740- ?), domiciliados na Fazenda do “Chapéu”, na Serra Gaúcha, mas que a partir de mais ou menos 1767 tornaram-se moradores da Comarca de Lages, ele na condição de “Tropeiro”, conforme Recenseamento dessa cidade de 1790 [...]
Sargento-mor Miguel Pedroso Leite, nasceu por volta de 1749, São Paulo, e faleceu a 27.5.1811, (L2 fl 93), Porto Alegre/RS. Em 1789 era Sargento-Mor de Castro/PR, proprietário de quatro escravos, casado, com 50 anos, e pai de 5 filhos; já em 1790, com 5 escravos, 6 filhos e a agregada Mariana, com 32 anos. Em 1794 a família já estava em Lages/SC, constituída pelo patriarca Miguel, a esposa, 6 filhos, 4 escravos: Ventura, Victorino, Maria e Ifigênia, além dos agregados: Benedito Rodrigues, Escolástica, esposa de Benedito, Theodoro, 5 anos, Jesuíno, 2 anos, Marciano, 22 anos e Jerônimo, 15 anos.
Já em 1803, cfe recenseamento, o Sargento Mor Miguel estava ausente no Sul, com sua família.
Miguel Pedroso Leite foi “um destemido sertanista, experimentado por suas entradas nos sertões”, como refere Silva Leme (II-140), dando-o como filho de Antônio Pedroso (de Oliveira) Leite e Maria Paes Domingues (Almeida Cavalheiro) Silva Leme, vol. 3 pág. 138), neto paterno de outro Antônio Pedroso Leite e Maria de Oliveira e, materno, de Manuel Fernandes Cavalheiro (n. São Paulo, filho de José Cavalheiro, natural da Castela e de Isabel Fernandes, de Santo Amaro/SP) e de Maria Paes Garcia (filha do capitão-mor de Itanhaém Martim Garcia Lumbria e Maria Domingues de Candeias).
Casou-se a 5.8.1763 na matriz de Rio Pardo/RS, com Inocência Maria Pereira Pinto[1], batizada a 6 de janeiro de 1750 Matriz de São Pedro, Rio Grande/RS (1B—99v), falecida 8.9.1804 Rio Pardo/RS, filha do Coronel Francisco Barreto Pereira Pinto, natural da Vila da Feira, Porto/PT e Francisca Veloso da Fontoura, Ouro Preto, Bispado de Mariana, filha do coronel Francisco Barreto Pereira Pinto e Francisca Velloso da Fontoura.
Domiciliados na Fazenda do “Chapéu”, na Serra Gaúcha, mas que a partir de mais ou menos 1767 tornaram-se moradores da Comarca de Lages, ele na condição de “Tropeiro”, conforme Recenseamento dessa cidade de 1790.
Já o pesquisador José de Araújo Fabrício (in A Freguesia de Nosso S. Bom Jesus do Triunfo. Seus primeiros povoadores, na segunda metade do século XVIII, pp. 331/333acresceu que Miguel Pedroso Leite foi capitão de dragões, enquanto que Francisco de Assis Carvalho Franco (in Dicionário de Bandeirantes e Sertanistas do Brasil, p. 206) assim referiu:
LEITE, Miguel Pedroso. Paulista, filho de Antônio Pedroso de Oliveira e de sua mulher Maria Pais Domingues, foi sertanista que combateu os índios caiapós, sob as ordens de João de Godói Pinto da Silveira, em Goiás, depois de 1752. Entrando para a carreira militar, atingiu o posto de sargento-mor, tendo tomado parte nas guerrilhas contra os castelhanos, no Rio Grande do Sul, em 1762. Abriu nesse território uma estrada estratégica para o Rio Pardo. E aí ficou residindo, tendo-se casado com Inocência Maria Pereira Pinto, falecendo depois de 1791, deixando geração.
Miguel Pedroso Leite, então sargento-mor, faleceu aos 27/05/1811 na “Vila de Porto Alegre”, de moléstia interna com os sacramentos da Penitência e Extrema Unção, viúvo, aos 85 anos de idade, pouco mais ou menos, tendo sido encomendado pelo reverendo Agostinho José de Sampaio e sepultado no cemitério da Matriz de Porto Alegre.
O casal de Miguel Pedroso Leite e Inocência Maria Pereira Pinto gerou 13 filhos que abaixo seguem, cujas descendências podem ser encontradas em diversas fontes[2].

1. Francisco de Paula Barreto Pereira Pinto, bat. 06/09/1764 em Triunfo c/c Francisca Veloso da Fontoura.
2. Miguel Pinto Carneiro da Fontourabat. 03/01/1767 em Triunfo/RS.
3. Antônio Joaquim Pinto Carneiro da Fontoura, bat. 19/08/1768 em Triunfo/RS;  c/c Ana Josefa de Macedo e Sampaio.
4. Manuel Cavalheiro Leitão, bat. 11/3/1770, Triunfo/RS c/c Matilde do Amaral Gurgel Annes (depois Fontoura).
5. Manuel Joaquim Carneiro da Fontoura, bat. 23/09/1771, Triunfo/RS, c/c Ana Joaquina de Jesus. Foi capitão e, segundo José de Araújo Fabrício (op. cit., p. 332), “foi mandado degolar pelo general Artigas, com quem servia.”
6. Felisberto Pereira Pinto, bat. 21/2/1773 em Triunfo.
7. Desembargador João Pedroso Leite
8. Genoveva Maria Leite ou Genoveva Raquel da Fontoura, n. 1780 em Vacaria/RS c/c o capitão-mor de Lages Bento do Amaral Gurgel Annes.
9. Bárbara (Francisca) da Fontoura c/c João Annes do Amaral Gurgel, capitão das Ordenanças, em Lages, de onde era natural, nascido em 1776, fazendeiro.
10. Maria das Dores do Amor Divino ou Maria das Dores de Jesus Fontoura, n. São Paulo c/c Joaquim José da Silva.
11. Escolástica Veloso, falecida solteira.
12. Maria Policena Carneiro da Fontoura ou Maria Nepomuceno Carneiro, n. Castro/PR, c/c o brigadeiro Manuel Carneiro da Silva da Fontoura (viúvo de Francisca Margarida Pereira Pinto).
13. Inocência Maria Pereira Pinto, c/c José Joaquim da Silva.
Apresentamos, abaixo, a descendência de Manuel Cavalheiro do Amaral Leitão, 4º filho do casal Miguel Pedroso Leite e Inocência Maria Pereira Pinto.
Manuel Cavalheiro do Amaral Leitão nasceu a 20.9.1769, em Triunfo/RS, onde foi batizado a 11.3.1770 e teve seu inventário autuado em 1860 em Lages/SC.
Registro de batismo de Manuel, de 1770.
[AHCMPA: Lv. de Batismo de Triunfo/RS]
Manuel casou-se a 23.4.1796 em Lages/SC, com Matilde do Amaral Gurgel Annes (depois Fontoura), bat. 30.07.1782 em Lages/SC e fal. a 29.3.1851 em Sorocaba/SP, filha de José do Amaral Gurgel Annes e Maria (da Anunciação) do Nascimento Marques/de Jesus, neta materna de Manuel Marques Arzão e Joana Garcia de Jesus.
Registro de casamento de Manuel e Mathilde
Lages/SC, 1796.
Manuel e Matilde foram pais de 10 filhosInácio, Inocência, José, Antônio, Genoveva, Manuel, Rita Lourença, Francisco Antônio, João, Maria Josefa, Clementino e Maria da Glória.
Considerando-se que as informações sobre a descendência de Manuel Cavalheiro do Amaral Leitão e Mathilde encontram-se nas fontes referidas, daremos ênfase à genealogia de três de seus dez filhos (inocência, José e Antônio) cujos descendentes viveram na região das Missões, no Rio Grande do Sul:
F1. INÁCIO CAVALHEIRO DO AMARAL FONTOURA
F2. INOCÊNCIA MARIA CAVALHEIRO DO AMARAL, bat. a 17/11/1799, Lages/SC, onde casou a 26.11.1817, com Francisco (Luiz) Inácio (Luiz) Carneiro, nascido cerca de 1795 Castro/PR, onde faleceu em 1792, filho do capitão-mor e Coronel de Milícias Luciano Carneiro Lobo (bat. 27.10.1757, Capão Alto/PR e falecido a 12.5.1842 na Fazenda de Jaguariaiva/Castro/R, casou em 1777) e de (Maria) Francisca de Sá/Almeida, (omitida por Silva Leme) (batizada a 22.4.1754 na Fazenda Morangava, e falecida a 10.4.1806, Castro/PR, filha de Inácio de Sá Arruda e Antônia Bueno de Almeida).
Registro de casamento de Inocência e Francisco, Lages/SC, 1817.
Os avós paternos de Francisco Inácio foram: o Capitão Francisco Carneiro Lobo e Quitéria Rodrigues da Rocha e, os avós maternos, Inácio de Sá Arruda e Antônia Bueno de Almeida.
Inocência e Francisco geraram a:
N1. João Francisco Carneiro (informação enviada por Luiz Carlos Zorzi, de Curitiba), nasceu cerca de 1850 em Santo Ângelo/RS, onde faleceu, c/c Manuela Rodrigues dos Santos. 
N2. Manuel Luiz Carneiro (citado no jornal A FEDERAÇÃO, Ed. 288, de 12.12.1903)[3]
N3. Joaquim Carneiro do Amaral, bat. 19.4.1819 em Lages/SC. Casou em Castro/PR em torno de 1842, com Emília de Assunção Carneiro, nascida cerca de 1824 e falecida em 1904.
N4. Cyro Luís Carneiro (citado em ALVES, Memorial Açoriano, Tomo 45), nascido cerca de 1835 no Estado Oriental (Uruguai), como consta do batismo do filho Irineu, e falecido a 24.4.1894 em Santo Ângelo/RS. Casou-se com Isabel Rodrigues da Silva/de Ramos, nascida em torno de 1823 no Paraná e falecida a 21.4.1902, no 4º distrito de Santo Ângelo.
Cyro e Isabel foram pais de 14 filhos: Teresa Luísa, Maximiana, Raimundo Luiz, Maria Francisca, João Francisco, Júlia, Manuel Luiz, Antônia Luiza, Gabriel, Antônio, Zeferino Luiz, José Luiz, Irineu Luiz e Cirineo, que seguem:
Bn1. Teresa Luísa Carneiro, nascida cerca de 1846 em Santo Ângelo/RS. Casou aos 27 anos, a 3.10.1874, com Irineu Afonso de Queiroz/Quadros, 23 anos, nascido em São Martinho/RS, filho de José Luis de Queiroz[4] (falecido a 9.6.1883 no município de Santa Maria/RS) e de Francisca das Chagas.
Bn2. Maximiana Carneiro, n. cerca de 1847 e falecida aos 80 anos, a 10.12.1925 em Santo Ângelo/RS. Casou-se com Antônio Salvador Fernandes[5], nascido a 6.6.1852 no 1º distrito de Santo Ângelo/RS, onde faleceu aos 77 anos (?), em 1935, filho de José Fernandes Pereira/Portugal (fal. em Santo Ângelo, com inventário autuado em 1868) e Joana Rodrigues Fernandes. Sem filhos.
#Nota:
José Fernandes Pereira /Portugal e Joana foram pais:
1.Laurinda casada com  Manuel Rodrigues de Abreu.
2.Joaquina casada com Bernardo José Rodrigues.
3. Antônio Salvador Fernandes (gêmeo com Salvador) nascido no RS, falecido aos 77 anos, em 1935.Foi casado em 1º núpcias com Maximiana Carneiro Fernandes, sem filhos. Casado em 2ª núpcias com Isolina Antunes Cavalheiro, sem filhos.
4. Salvador Fernandes
5. Severina
6. Luis
7. Elesbão
8. João
9. Emílio
10. Alfredo
11. Hortência
12. Rosália
13. Maria Adelina.
Bn3. Raimundo Luiz Carneiro, nascido cerca de 1848 em Cruz Alta/RS e falecido em 1935 em Santo Ângelo/RS. Casou a 12.5.1877 em São Borja/RS, com Auta Máxima Teixeira também nascida em Cruz Alta/RS e falecida a 21.6.1895 no 4º distrito de Santo Ângelo/RS, filha de Salvador Mariano/ Rodrigues Teixeira (nascido em 1830 no Paraná, batizado na capela de Tamanduá e falecido em 1916) e de Jônia Maria Gonçalves (filha de  D... Borges Gonçalves e Maria). Os avós paternos da Rita foram José Joaquim Teixeira (natural da província de São Paulo e morador no distrito de Entre-Ijuís/RS e falecido a 10.6.1889, aos 73 anos) e de Ana Rodrigues de Siqueira. [Vide neste blog as famílias Rodrigues de Siqueira e José Joaquim Teixeira]. Raimundo e Rita geraram a:
Tn1. Zulmira Luísa Carneiro Alves casou em 1907 no distrito missioneiro de Santa Tecla/RS com Inocêncio Alves Teixeira, falecido aos 46 anos a 18.1.1914, filho de Leopoldino Alves Teixeira[6] e de Francisca Maria de Oliveira, falecidos no distrito de Santa Tecla. Os avós paternos de Inocêncio foram Manuel Alves Teixeira e Catarina, seus avós maternos foram Lourenço Luiz de Oliveira[7] e Maria Cecília Pereira.
Tn2. Júlia Luísa Carneiro, n. 14.11.1879 em Santo Ângelo. Casou aos 19 anos, em 1901, no distrito missioneiro de Santa Tecla com Salvador Alves Teixeira, filho de Leopoldino Alves Teixeira e Francisca Maria de Oliveira, acima citados.
Tn3. Eliza/Elizia Luísa Carneiro casou em 1916, distrito missioneiro de Santa Tecla com João Leonardo Teixeira, filho de Antônio Leonardo Teixeira e Flora Celestina Teixeira, moradores Santa Tecla. Os avós paternos de João Leonardo foram Salvador dos Santos Teixeira e Maria das Dores de Jesus e sua avó materna foi Delfina Celestina dos Santos.
Tn4. Raimundo Carneiro casado com Maria Luiza Gonçalves (dúvida).
Bn4. Maria Francisca Carneiro, nasceu cerca de 1849 em Santo Ângelo/RS, onde faleceu a 24.4.1912. Casou a 31.5.1875, Santo Ângelo/RS, com Geraldo Gomes de Quevedo, 25 anos, natural de Santo Ângelo/RS, onde faleceu a 24.4.1912 (cfe Luiz Antônio Alves em Memorial Açoriano), filho de Domingos Gomes de Quevedo e Benedita Maria de Oliveira, moradores no distrito missioneiro de Santa Tecla. Pais de:
Tn1. Franklim Luiz Carneiro
Tn2. Ercilino Gomes de Oliveira
Tn3. Otaviano Gomes de Oliveira casou em 1915, distrito missioneiro de Santa Tecla, com Bernardina Veiga Ramos, filha de Alberto José Veiga, falecido em Cruz Alta/RS e Maria Madalena Rodrigues Ramos, falecida distrito de Santa Tecla.
Tn4. Maria Gomes de Oliveira casou aos 21 anos, em 1908, distrito missioneiro de Santa Tecla com Paulino Ávila da Rosa, filho de Anastácio Ávila[8] e Marcelina Gomes da Rosa. A avó paterna de Paulino foi Maria Melchior Ávila, solteira, natural do RS e moradora distrito missioneiro de Santa Tecla/RS. Seus avós maternos foram Manuel Marcelino da Rosa e Josefa Gomes de Quevedo, naturais do RS e moradores distrito missioneiro de Santa Tecla.
Tn5. José de Calazano de Gomes de Oliveira casou ao 27 anos, em 1916, distrito missioneiro de Santa Tecla, com Etelvina Leal de Menezes, filha de Fidêncio José de Menezes e Marfiza Leal de Jesus, neta paterna de Delfino José dos Santos e Cândida Silveira de Moraes, moradores em São Luiz Gonzaga/RS, e neta materna de Manuel Florêncio Leal e Rita Prestes de Abreu, também moradores em São Luiz Gonzaga/RS.
Tn6. Turíbio de Oliveira
Bn5. João Francisco Carneiro, nascido cerca de 1850 e falecido a 1º.10.1921 no 8º distrito de Santo Ângelo/RS. Casou com Maria Manuela Rodrigues, falecida a 6.7.1890 ou 5.7.1891, no 3º distrito de Santo Ângelo/RS, filha de Cristovão José Rodrigues e Perpétua Rodrigues. Pais de:
Tn1. Maria Rosa Carneiro nasceu a 30.8.1890 no 3º distrito de Santo Ângelo/RS, onde casou em 1933 com Manuel Rossés, nascido a 5.12.1874 Uruguaiana/RS, morador em Santo Ângelo/RS, filho de Salvador Rossés (falecido a 17.5.1890) e Maria Frutuosa Marotte (falecida a 20.8.1878 Uruguaiana/RS). Manuel Rossés fora casado, anteriormente, com Lidia Fernandes, falecida a 29.9.1925 em São Luiz Gonzaga/RS, com quem teve 10 filhos.
Tn2. Ataualpa Francisco Carneiro casou em 1910 com Laurinda da Costa Leite, filha de Tristão da Costa Leite e Constantina Cândida dos Anjos, moradores no distrito missioneiro de Santa Tecla.
Tn3. Leovegilda Carneiro
Tn4. Rosalina Carneiro
Tn5. Laudelino Francisco Carneiro nasceu em Rivera/Uruguai(?). Casou aos 27 anos, em 1912, distrito missioneiro de Santa Tecla, com Joaquina Gomes dos Santos, 23 anos, filha natural de Teresa Gomes dos Santos, moradora distrito de Santa Tecla.
Tn6. Atanásio Francisco Carneiro, nascido a 5.7.1890, Santo Ângelo/RS. Casou em 1921 com Maria Teresa Massariol, nascida a 14.8.1903 no 1º distrito de Santo Ângelo/RS, filha de José Massariol (nascido a 15.6.1875) e Ângela Toniasso (nascida a 1º.3.1873), moradores em Santo Ângelo/RS.
Bn6. Júlia Carneiro, nascida cerca de 1851, no RS. Casou em Santo Ângelo/RS com Ramão Rodrigues Padilha Filho, filho de Ramão Rodrigues Padilha e Gertrudes Maria Ribeiro. Os avós maternos de Ramão foram Manuel Marcelino da Silva[9] (falecido a 27.3.1860 em São Borja/RS) e Francisca Pedrosa do Pilar. Pais de:
Tn1. Fioravante (?) nasceu 17. 9.1889, São Miguel das Missões.
Bn7. Manuel Luiz Carneiro, nasceu em torno de 1853, Santo Ângelo/RS, onde casou cerca de 1857 com Júlia Teixeira, nascida em torno de 1868, Santo Ângelo/RS e falecida em 1904, São Miguel das Missões, filha de Salvador Rodrigues/Gomes Teixeira e Jônia Maria Gonçalves. Pais de:
Tn1. Cecílio Luiz Carneiro casou a 4.6.1908, Santo Ângelo/RS com Rosalina Teixeira de Paula, 21 anos, moradora no distrito missioneiro de Entre-Ijuís/RS, filha de Manuel Rodrigues de Paula e Maria Teixeira de Deus. Os avós paternos de Rosalina foram Ângelo Rodrigues de Paula[10] (falecido a 20.2.1890, São João Mirim, termo de Santo Ângelo/RS) e Florisbela Maria de Jesus. Seus avós maternos foram Tristão José de Deus e Firmina Maria Teixeira, nascida no Paraná, batizada na Capela de Tamanduá.
Tn2. Anastácia Carneiro, nascida a 17.7.1895, Santo Ângelo/RS. Casou em 1916 no distrito missioneiro de Santa Tecla com João Paulo da Rosa, filho de Fabiano Marcelino da Rosa, falecido São Miguel das Missões e Marcelina Teixeira da Rosa moradora mesmo distrito de São Miguel.
Tn3. Júlia Carneiro nascida a 26.1.1897 São Miguel das Missões e falecida a 29.5.1901, Santo Ângelo/RS.
Bn8. Antônia Luiza Carneiro, nascida cerca de 1855, São Borja/RS (?). Casou-se com Veríssimo Antônio Teixeira, filho de Salvador Rodrigues/Gomes Teixeira, falecido a 1º.7.1894, e Jônia Maria Gonçalves, filha de  D... Borges Gonçalves e Maria [ver neste blog a família de José Joaquim Teixeira]. Pais de:
Tn1. Otaviano Antônio Teixeira da Costa, casou-se aos 22 anos, em 1908 em Santo Ângelo/RS com Cândida Teixeira da Costa, nascida a 7.3.1888, filha de Agostinho Jacinto Costa e Levina Teixeira da Costa.
Tn2. Cyro Antônio Teixeira casou aos 24 anos, em 1908, Santo Ângelo/RS, com Isabel Teixeira de Ramos, 21 anos, filha de Jacinto Rodrigues Ramos e Silvina Teixeira de Deus.
Tn3. Otaviano Antônio Teixeira, morador no 4º distrito de Santo Ângelo/RS, onde casou aos 22 anos, em 1908, com Cândida Teixeira da Costa, 19 anos, filha de Agostinho Jacinto da Costa e Levina Teixeira de Deus. Os avós maternos de Cândida foram Tristão José de Deus e Firmina Maria Teixeira.
Tn4. Olavo Teixeira, nasceu 18.2.1898, São Miguel das Missões.
Bn9. Gabriel Gomes Carneiro, nascido a 26.3.1856, bat. 11.11.1857, Cruz Alta/RS e falecido a 12.12.1933 no 4º distrito de Santo Ângelo/RS. Casou a 14.11.1886 em São Miguel das Missões com Barcelícia Rodrigues da Silva, nascida a 22.10.1867, Santo Ângelo/RS e falecida a 25.4.1918, no 4º distrito de Santo Ângelo/RS, filha de Francisco Franco da Silva (filho de Raymundo Nonato da Silva e Maria dos Santos Teixeira) e Isabel Rodrigues de Siqueira (filha de Francisco Rodrigues de Siqueira e Maria das Dores de Jesus). VER NESTE BLOG A FAMÍLIA DE FRANCISCO RODRIGUES DE SIQUEIRA. Pais de:
Tn1. Amália Gomes Carneiro nasceu a 8.4.1891 São Miguel das Missões.
Tn2. Belmira Gomes Carneiro nascida a 25.11.1892, São Miguel das Missões.
Tn3. Idalina Gomes Carneiro nasceu a 30.3.1895, distrito missioneiro de Entre-Ijuis/RS, casada com Norberto Antunes Cavalheiro, filho de Bertoldo Antunes Cavalheiro[11], 35 anos, nascido em Vacaria e falecido a 18.12.1897, Santo Ângelo/RS e Maria da Silva dos Santos que faleceu em 7.9.1919, Santo Ângelo/RS. Os avós paternos de Norberto foram José Antunes Cavalheiro, falecido 15.10.1866, São Borja/RS, e Juliana Alves da Cruz[12], falecida em dezembro de 1879, São Luiz Gonzaga/RS) Seus avós maternos foram Francisco Franco da Silva e Isabel Rodrigues de Siqueira.
Tn4. Adelaide Carneiro da Cunha nasceu a 1.6.1889 em São Miguel das Missões, casada com Taurino Hyran da Cunha.
Tn5. Abilia Gomes Carneiro nasceu em torno de 1893, casada com Atanásio Francisco Carneirofilho de João Francisco Carneiro[13] e Maria Manuela Rodrigues que faleceu a 6.7.1890 Santo Ângelo/RS.
Tn6. Adolfo Gomes Carneiro, batizado a 26.9.1900, n. 29.8.1900 distrito missioneiro de São Miguel/RS. Casou com Amália Machado, filha de Luiz Augusto Machado e Marcíria Teixeira da Rosa.
Tn7. Otacilia Gomes Carneiro nasceu a 14.11.1904, no lugar denominado São João Mirim, distrito de São Miguel e falecida a 27.11.1935 em Santo Ângelo/RS. Casou em 1929 com Lindolfo Kaiper[14], nascido a 1º.9.1896 ou 1897, São Miguel das Missões/RS e falecido a 23.3.1964, Santo Ângelo/RS, filho de Jacob Kaipper que nasceu a 16.8.1863. Santo Ângelo/RS, onde faleceu a 3.7.1922 e Emília Gonçalves Grass. 8 filhos. Os avós paternos e Lindolfo foram Christiano Carlos Kaipper e Felisbina Hoffmann. Seus avós maternos foram Carl Friedrich Kras e Maria Eva Hoffmann.
Tn8. Maurilia Gomes Carneiro nasceu em torno de 1890, casada com Percival Teixeira da Rosafilho de Fabiano Marcelino da Rosa falecido a 14.5.1903 e Marcelina Teixeira da Rosa. Avós paternos foram Manuel (?) Marcelino da Rosa [15] e Josefa Gomes/Soares de Quevedo. Avós maternos, Salvador Rodrigues (Gomes) Teixeira e Jônia Maria Gonçalves. VER FAMÍLIA DE JOSÉ JOAQUIM TEIXEIRA NESTE BLOG.
Tn9. Palmira Gomes Carneiro nasceu a 23.10.1907 no lugar de Coimbra, Santo Ângelo/RS (4º distrito de Santo Ângelo), onde casou em 1930, com João Augusto Machadofilho de Timóteo Teixeira Machado, nascido a 25.1.1869 e Marciria Teixeira da Rosa, nascida a 6.12.1879, moradores no 4º distrito Santo Ângelo/RS.
Tn10. Palmenia Gomes Carneiro nasceu a 9.8.1910, Santo Ângelo/RS.
Bn10. Antônio Carneiro, nasceu cerca de 1855 em São Borja/RS, faleceu antes de 1894?.
Bn11. Zeferino Luiz Carneiro nasceu em torno de 1857, Santo Ângelo/RS. Casou aos 25 anos a 26.1.1882 em Santo Ângelo/RS com Teresa Maria Fernandes/Prestes, então com 19 anos, filha do capitão Manuel Inácio Prestes, falecido a 2.1.1873, distrito missioneiro de Santa Tecla e Maria Fernandes de Moraes. Pais de:
Tn1. Manuel Francisco Carneiro, n. 10.10.1886, bat. 21.5.1889, São Miguel das Missões. Casou a 19.3.1906 em Santo Ângelo/RS com Francisca Maria dos Santos, nascida São Luiz Gonzaga/RS, filha de Zeferino José dos Santos e Manuela Maria dos Santos.
Tn2. Gasparina Matilde Carneiro, n. 14.3.1888, bat. 21.5.1889, São Miguel das Missões. Casou em 1910, distrito missioneiro de Santa Tecla, com Felisberto Maria de Moraes, 31 anos, filho de Boaventura José Maria Fernandes e Francisca Maria, moradores no distrito de Santa Tecla. AP: Salvador Maria de Moraes e Felicidade Gomes de Quevedo. VER NESTE BLOG FAMÍLIA GOMES DE QUEVEDO.
Tn3. Gabriel Carneiro, falecido a 13.1.1900, 2º distrito de Tupanciretã/RS.
Tn4. José André Carneiro, falecido a 20.8.1914, 2º distrito de Tupanciretã.
Bn12. José Luis Carneiro nasceu a 8.12.1858, bat. 23.9.1859, Cruz Alta/RS, casando-se em torno de 1882 com Maria Luiza Gonçalves/dos Santos, filha de Joaquina Luiza Gonçalves. Pais de:
Tn1. Severo Luiz Carneiro casou-se a 27.10.1911, Santo Ângelo/RS com Amália Luísa Teixeira, nascida a 15.12.1896, no 1º distrito de Santo Ângelo (Entre-Ijuís), filha de Salvador Mateus Teixeira e Antônia Luísa dos Santos, neta paterna de Mariano Marcondes Teixeira e Páscoa dos Santos Teixeira e neta materna de Joaquina Luísa Gonçalves.
Tn2. Márcio Luiz Carneiro casado com Amélia Marcondes de Oliveira.
Tn3. Marcelina Carneiro nascida a 2.6.1893, Entre-Ijuís, Santo Ângelo/RS.
Tn4. Maria José Carneiro nascida a 5.2.1895, Entre-Ijuís, Santo Ângelo/RS.
Tn5. Ursulina Carneiro n. 8.2.1897, Entre-Ijuís, Santo Ângelo/RS e f. a 26.2.1982.
Tn6. Agripino Carneiro nascido a 5.11.1900, Entre-Ijuís, Santo Ângelo/RS.
Bn13. Irineu Luis Carneiro nasceu aproximadamente em 1860, Santo Ângelo/RS, casado em torno de 1878, Tupanciretã/RS, com Vitoriana Maria Luiza, ambos falecidos no distrito missioneiro de Santa Tecla (3º distrito de Santo Ângelo/RS). Pais de 4 filhos. Irineu casou-se novamente (?), em torno de 1897, Santo Ângelo/RS, sendo pai de outros 6 filhos.
Tn1. Maria Carneiro cfe Luiz Antônio Alves em Memorial Açoriano, nasceu 25.8. 1903 2º distrito de Tupanciretã e faleceu 25.8.1903, Santo Ângelo/RS.
Tn2. Antônio Carneiro nasceu no mesmo 2º distrito de Tupanciretã/RS.
Tn3. Ursulina Luiz Carneiro nasceu 2º distrito de Tupanciretã, casa em 1916, Santa Tecla com Joaquim Veríssimo de Lima, filho de Maria Thereza de Lima.
Tn4. Rodolfina Carneiro
Filhos do 2º matrimônio:
Tn5. José Luiz Carneiro
Tn6. Gasparina Luiza Carneiro casa em 1914, distrito missioneiro de Santa Tecla com João Antônio da Conceição [16], nascido a 3.2.1871, batizado em Santo Ângelo/RS, filho de Antônio Francisco da Conceição e Eva Maria Rodrigues, ambos falecidos em Santa Tecla.
Tn7. Francisco Carneiro
Tn8. Maximiana Carneiro
Tn9. Marcelina Luiza Carneiro nasceu a 2.6.1895, distrito missioneiro de Santa Tecla, onde casou em 28.7.1915, com Francisco Alexandre Vieira, filho de Francisco Antônio Vieira[17] faleceu aos 63 anos, a 30.10 1916, 4º distrito Santo Ângelo/RS, natural deste estado e Januária Celestina Vieira, falecida no distrito de Santa Tecla.
A avó paterna de Francisco foi Marinha Maria Thereza (foi mãe, também, de Maria Joana casada com Pedro Gomes dos Santos. VER NESTE BLOG A FAMÍLIA DE JANUÁRIO GOMES DE QUEVEDO.
Tn10. Martiniano Carneiro
Bn14. Cyrineo Luiz Carneiro, nascido cerca de 1860. Casou a  19.10.1912 São Miguel das Missões, com Margarida Fernandes de Moraes nascida a 7.11.1878, Santo Ângelo/RS, filha de Francisco Fernandes de Moraes[18], então já falecido, e Joana Roballo, moradora no distrito de Santa Tecla, neto paterno de Salvador Maria de Moraes e Felicidade Gomes de Quevedo e, materno, de Felisberto dos Santos Roballo[19], falecido a 23.8.1904, São Borja/RS, e Faustina Antônia Rodrigues. Pais de:
Tn1. Glória Carneiro nascida a 19.12.1913, no lugar denominado Coimbra, Santo Ângelo/RS, casada com João Antônio Fogliato, moradores em Tupanciretã.
F3. JOSÉ CAVALHEIRO DO AMARAL FONTOURA, batizado a 17.11.1799 em Lages/SC e já falecido em 1858. Casou a 03.05.1831 em São Gabriel/RS, com Eufrásia Maria de Oliveira/Pereira Vianna, natural da Capela das Dores, batizada a 28.4.1806, Triunfo/RS e falecida a 21.3.1891 São Miguel das Missões, viúva de Inácio Alves da Silva[20] e filha de José Pereira Vianna[21] e Bernardina/Bernarda Inácia de Oliveira, ambos naturais e batizados na Freguesia de Conceição de Viamão, onde casaram a 3.6.1801. A avó paterna de Eufrásia foi Ana Maria/Ana Teresa. Seus avós maternos foram Inácio Luiz da Cunha (n. São Paulo) e Quitéria Francisca de Oliveira[22] (n. Rio de Janeiro). José e Eufrásia foram pais de 4 filhos (até o momento localizados): Manuel Cavalheiro do Amaral, Joaquim Cavalheiro do Amaral Fontoura, Maria das Mercês e Guilherme Cavalheiro do Amaral Fontoura.
Registro de batismo de José, Lages/SC, 1799.
Aos 25/11/1858 foi feita esta justificação do casamento de José Cavalheiro do Amaral Fontoura, já falecido, com Eufrásia Maria de Oliveira, ocorrido aos 03/05/1831 na Paróquia de São Gabriel, aquele natural do Bispado de São Paulo, filho legítimo do capitão Manuel Cavalheiro Leitão e D. Mathildes do Amaral, ambos naturais do mesmo bispado, e esta filha do falecido José Pereira Viana e Bernardina Inácia Pereira, todos naturais deste Bispado (Justificação de casamento 1858, Livro 3 São Gabriel/RS, cujo registro não foi localizado no livro correspondente).
Registro de batismo de Eufrásia, Triunfo, 1806.
Pais de:
N1. CapManuel Cavalheiro do Amaral, capitão da Guarda Nacional da Reserva do Município de Alegrete, natural de Cruz Alta. Casou a 10.7.1859 em Alegrete/RS com Francisca Carolina Teixeira, nascida em São Paulo, filha do capitão Matias Teixeira de Almeida[23], natural de Sorocaba (inventariado em 1874 Alegrete/RS) e de Claudiana Maria, natural de São Paulo, falecida a 5.6.1861, São Borja/RS. Pais de:
Bn1. Elisa do Amaral, nasceu a 2.9.1860, Alegrete/RS, onde foi batizada a 31.12.1860. Casou com João Evangelista de Castro, n. RS, filho de Prudente da Fonseca Castro e Maria Pulqueria de Castro. Pais de:
      Tn1. Antônio, n. 5.10.1886, bat. 14/11/1886, São Francisco de Assis/RS.
Bn2. Manuel, n. 3.9.1863, Alegrete/RS, onde foi batizado a 16.1.1864.
Bn3. Claudiana, n. 4.11.1864, Alegrete/RS, onde foi bat a 26.4.1865.
Bn4. Pedro, n. 13.5.1866, Alegrete/RS, onde foi bat. a 16.10.1866.
Bn5. Honorina, n. 30.6.1867, Alegrete/RS, onde foi bat. 8.9.1869.
Bn6. Francisca Carolina Teixeira (dúvida)
Bn7. Inocência Angélica Teixeira Fontoura (dúvida)
Bn8. Mathias, n. 14.4.1871, Alegrete/RS, onde foi bat a 10.9.1871.
N2. capitão Joaquim Cavalheiro do Amaral Fontoura, nascido possivelmente no Rio Grande do Sul e falecido a 14.11.1875, Santiago ou São Luiz Gonzaga/RS, foi morador no Carovi, distrito de São Borja/RS. Casou-se com Mantina Maria Antunes de Almeida, nascida no Paraná e falecida a 18.7.1878 em Santiago/RS, filha de Zeferino Antunes de Almeida (nascido e batizado na Freguesia de Castro/Paraná e falecido em 30/8/1888 distrito de Santa Tecla/Santo Ângelo) e Escolática Maria da Silva (nascida e batizada na freguesia de Castro/Paraná e falecida a 15/1/1887, Santo Ângelo/RS). Os avós paternos[24] de Mantina foram Antônio Joaquim de Ramos Ferreira e Maria Joaquina Antunes. Seus avós maternos foram Floriano Garcia da Silva e Joaquina Maria da Silva (paranaenses). Joaquim e Mantina tiveram 5 filhos: Carolina, Emília, Francisco, José Joaquim e Agostinho. VER NESTE BLOG FAMÍLIA DE ZEFERINO ANTUNES DE ALMEIDA. Pais de:
Bn1. Carolina Antunes Cavalheiro do Amaral, n. 29.9.1861, bat. 2.7.1862, Cruz Alta/RS. Casou com Joaquim de Miranda Osório, n. 19.4.1856 em Cruz Alta/RS e fal. aos 58 anos, a 15.5.1914 em Santo Ângelo/RS, embora tenha residido por muitos anos em Santiago do Boqueirão/RS, filho de José Francisco de Miranda Osório[25], nascido no Maranhão e falecido a 4.3.1876 em São Borja/RS, com inventário ali autuado e disponível no Arquivo Público do RS, e de Maria José Souto Maior nascida em Cruz Alta /RS. Os avós paternos de Joaquim foram José Francisco de Miranda Osório[26] e Maria Joaquina de Miranda Osório. Seus avós maternos foram o major Tibúrcio José Maria Souto Maior[27] e Flacila Joaquina/Josefina dos Santos. Pais de:
Tn1. Maria Amândia de Miranda Osório, n. 23.11.1882, bat.  13.4.1883, São Borja/RS.
Tn2. Trajano de Miranda Osório, n. 24.8.1883, bat. 16.6.1884 em São Borja e fal. a 1º.12.1918, Catuípe/RS. Casou em 1909 no distrito missioneiro de Santa Tecla com Umbelina Gaspar de Ramos, filha de José Theodoro de Ramos e Emília Gaspar de Ramos. Houve 3 filhos do casamento de Trajano e esposa.
Tn3. Conrado de Miranda Osório, nasceu 28.12.1885, Santiago, onde foi batizado a 13.4.1891.
Tn4. Senhorinha de Miranda Osório nasceu 29.5.1887, Santiago, onde foi batizada a 13.4.1891.
Tn5. Vicentina de Miranda Osório nasceu 29.5.1887, Santiago/RS, onde foi batizada a 13.4.1891
Tn6. Pedro de Alcântara de Miranda Osório n. 24.10.1889, Santiago/RS. Casou em 1914 em Santo Ângelo/RS com Isolina Prestes, n. 8.7.1887, filha de Antônio de Oliveira Prestes e Ana.
Tn7. Benigna de Miranda Osório, n. 1889, casou aos 22 anos a 30.4.1911 em Santiago/RS com Amâncio Garcia de Brum, então com 28 anos, filho de Basílio Garcia de Brum e Laurinda Teixeira dos Santos.
Tn8. Astrogildo de Miranda Osório, n. 22.8.1891, bat. 3.2.1893, Santiago.
Tn9. Joaquim de Miranda Osório Filho, n. 11.5.1896, bat. 10.10.1897, Santiago/RS. Casou com Porfíria Soares dos Santos, filha de Apolinário Soares dos Santos e Delfina Soares dos Santos.
Tn10. Etelvina de Miranda Osório, n. 3.14.1898, Santiago do Boqueirão.
Bn2. Emília (Antunes) Cavalheiro do Amaral, em 1879 seu tutor requereu autorização para que Emília casasse com Venceslau do Nascimento e Silva. Em 1882 Emília, porém, já estava casada com Felisbino José Machado, filho de Francisco José Machado[28] e Eleutéria de Souza Ávila/Santos falecida a 1º.9.1890, distrito missioneiro de Santa Tecla. Pais de:
Tn1. Constança do Amaral Machado, n. 28.8.1883, Santo Ângelo/RS. Casou no religioso a 10.6.1906 em São Miguel das Missões (civil em 1906 em Santa Tecla), com Irineu Nunes de Freitas, filho de Jacinto Nunes de Freitas[29] que faleceu a 17.2.1888, 4º distrito de Santo Ângelo/RS, no lugar denominado Carajá, e de Jesuína Maria Antônia.
Tn2. Dario do Amaral Machado, nascido a 9.1.1884, batizado em São Miguel das Missões. Casou em 1907, distrito missioneiro de Santa Tecla, com Conceição Maria de Menezes, filha de João Pereira Vieira, falecido em São Luiz Gonzaga/RS, e Vidalvina Maria dos Santos, moradores distrito missioneiro de Santa Tecla.
Tn3. Martiniana Cavalheiro do Amaral, n. 13.12.1884, bat. 11.5.1886, São Miguel das Missões.
Tn4. Ercilia Cavalheiro do Amaral, n. 1885, São Miguel das Missões e falecida a 6.3.1925 em Santo Ângelo/RS, onde casou em 1904 com Agnelo Nunes da Silva, nascido a 9.2.1883, Santo Ângelo/RS e falecido a 22.9.1931 no mesmo município, filho de Antônio Nunes da Silva e Ana Ferraz de Abreu.
Tn5. Octacília Cavalheiro do Amaral ou dos Santos, n. 1886. Casou em 1904 (no civil, no religioso foi a 21.3.1909 em São Miguel das Missões) com Júlio José dos santos, filho de Venceslau Rodrigues dos Santos e Rufina ou Justina Ávila Machado (filha de Francisco José Machado e Eleutéria de Souza Ávilla).
Tn6. Carmelina Cavalheiro do Amaral, n. 31.3.1889, bat. 3.12, São Miguel das Missões.
Tn7. Idalina Cavalheiro do Amaral, n. 14.11.1890, São Miguel das Missões.
Tn8. Felisbino do Amaral Machado, nasceu a 21.10.1891, no 1º distrito de Santo Ângelo/RS (Santa Tecla), onde casou em 1911 com Albertina Paulina Nunes, nascida a 3.12.189, distrito missioneiro de Santa Tecla, filha de Pedro Paulo das Chagas e Madalena Nunes de Freitas. Seus avós maternos foram Calisto Nunes de Freitas (filho de Máximo Nunes de Freitas e Maria Antônia de Oliveira) e Rosa Maria de Oliveira, nascida no Paraná (filha de Lourenço Luis de Oliveira e Maria Cecília Pereira).
Tn9. Lucidio José Machado casa em 1913, no distrito missioneiro de Santa Tecla/RS com Maria Luiza de Oliveira nascida a 19.2.1895, no mesmo distrito, filha de Manuel Luiz de Oliveira e Ana Maria Fernandes Prestes. Os avós paternos de Maria Luiza foram: Lourenço Luiz de Oliveira e Maria Jesuína da Silva natural do Paraná. Seus avós maternos foram Manuel Inácio Prestes e Maria Fernandes de Moraes (vide neste blog a família Luís de Oliveira).
Tn10. Amantina do Amaral Machado casou em 1919, distrito missioneiro de Santa Tecla, com Manuel Marçal Prestes, n. 30.6.1889, distrito missioneiro de São Miguel, filho de Vital Inácio Prestes, falecido distrito de Santa Tecla, e Ana Maria da Silva, moradora 8º distrito Santo Ângelo/RS, neto paterno do capitão Manuel Inácio Prestes e Maria Fernandes Prestes, moradores neste distrito, e materno, de José Floriano Garcia[30], falecido a 10.1.1877, e Maria Francisca da Silva, ambos falecidos no distrito de Santa Tecla.

Tn11. Edelmira Nunes da Silva nasceu 30.5.1916, no 4º distrito de Santo Ângelo/RS, onde casou em 1933 com João Soares de Oliveira, nascido a 18.10.1911, no 1º distrito de Santo Ângelo/RS, filho natural de Belmira Soares, natural deste estado e moradora neste município, filha de Maria do Carmo Soares.
Bn3. Francisco Antunes Cavalheiro Cavalheiro do Amaral, n. 22.9.1865 em Alegrete/RS, onde foi batizada a 5.8.1871. Casou aos 28 anos, a 10.4.1892 em Santiago/RS, com Silvina Gomes de Mattos22 anos, filha de José Gomes Cardoso[31] e Maria Carolina de Mattos. Pais de:
Tn1. Vicentina Cavalheiro do Amaral casou em 1918 no distrito missioneiro de Santa Tecla, com Olmiro José Machado, 29 anos, filho de Francisco José Machado[32] e Francisca Pires Machado. Os avós paternos de Olmiro foram Francisco José Machado e Eleutéria de Souza Ávila. Seus avós maternos foram Gabriel Pires de Almeida[33], f. 09.05.1889, São Miguel, com 53 anos e Maria Francisca de Almeida Reis.
Bn4. José Joaquim Cavalheiro do Amaral casou aos 32 anos, em 1906 com Antônia Pires de Arruda17 anos, filha de João Pires de Arruda e Geralda da Silva Nunes. 11 filhos. VER NESTE BLOG A FAMÍLIA DE INÁCIO BUENO DE ARRUDA.
Bn5. Agostinho Antunes Cavalheiro n. 2.5.1875 São Borja/RS, onde foi bat. a 30.4.1876.
N3. Maria das Mercês do Amaral Fontoura nasceu a 27.9.1837, São Gabriel/RS, onde foi bat. a 5.11.1838 (registro ocorreu a 31.12.1857). Casou com João Xavier Pestana, moradores em Livramento/RS.
N4. Guilherme Cavalheiro do Amaral Fontoura
F4. ANTÔNIO CAVALHEIRO DO AMARAL FONTOURA, batizado a 27.9.1801, Lages/SC e falecido a 24.10.1890, São Miguel das Missões/RS. Casou a 24.11.1854 em São Borja/RS com Delfina Rosa Vaz Torres, nascida a 2.11.1809 e batizada a 12.11.1809, Capela Azevedo/RS e falecida aos 78 anos, a 24.1.1890 em São Miguel das Missões, filha de Manuel Vaz Torres[34] e Laura Rosa Severina/Maria Torres. Moradores em São Miguel das Missões. Sem descendência. Os avós paternos de Delfina foram: José Vaz Torres e Joana Maria de Jesus (ambos naturais de São José dos Pinhais/PR). Seus avós maternos foram: Miguel Silveira de Souza (natural de São Miguel das Necessidades/SC) e Bernarda Rosa Severina (natural de Porto Alegre ou Viamão/RS).


Registro de casamento de Antônio e Delfina, 1854, São Borja/RS.
Antônio Cavalheiro do Amaral reconheceu por escritura pública, em Cruz Alta, os 3 filhos (abaixo relacionados) que teve com Rosaura Maria de Siqueira, nascida em Vacaria, a qual teve seu inventário autuado em 1879, Santo Ângelo/RS (filha de Luiz Pereira de Siqueira e Ana Maria do Espírito Santo), e que fora casada (a 7.12.1828, Santa Maria/RS), com o major Joaquim Antônio Rodrigues/José Joaquim Dias, nascido em São Paulo e falecido em torno de 1850, Cruz Alta/RS.
Após, Rosaura casou-se a 4.7.1867 em São Borja/RS com Joaquim Antônio Rodrigues, com quem não teve filhos.
Antônio Cavalheiro foi pai de:
N1. alferes Luiz Cavalheiro do Amaral Fontoura, nascido a 06.09.1837, em Lages e ali batizado a 04.02.1842. Foi assassinado[35] a 20.12.1881 em São Luiz Gonzaga/RS, casando-se em torno de 1859 em Santiago/RS, com Maria Inácia da Silva (após a morte do marido, casou em 2ª núpcias com o capitão Agostinho Pereira Leitão), falecida aos 54 anos, a 7.5.1900 em São Luiz Gonzaga/RS, filha de Inácio José da Silva/da Rosa[36], falecido a 31.12.1865, Santo Ângelo/RS e Rita Joaquina Cortes/Alves. Foram pais:
Bn1. capitão João Cavalheiro do Amaral, nascido a 27.5.1863, bat. 25.10.1863, Santo Ângelo/RS, onde foi morador. Casou aos 23 anos, a 20.1.1886, Santiago/RS com Castorina Augusta Leitão, 18 anos, n. 1868, Santiago/RS, filha de Agostinho Pereira Leitão[37] e Maria Caetana da Silveira. A avó paterna de Castorina foi Maria Augusta, natural do Estado Oriental e o Mj. Augusto de Siqueira Pereira Leitão. Pais de:
Tn1. Selencina do Amaral Cavalheiro
Tn2. Ataliba Cavalheiro do Amaral, n. 20.2.1889, São Luiz Gonzaga/RS, onde faleceu solteiro aos 42 anos, a 3.5.1934. 
Tn3. Ananias Cavalheiro do Amaral, n. 14.1.1887. Casou a 22.4.1911 em São Luiz Gonzaga/RS com Emília Moraes da silva, n. a 22.2.1895, filha de Florêncio(?) Pedroso de Moraes e Porfíria da Silva.
Tn4. Antônio Cavalheiro do Amaral, n. 14.1.1887. Casou a 22.4.1900 em São Luiz Gonzaga/RS com Emília Moraes da Silva, n. 22.2.1895, filha de Horácio Pedroso de Moraes e Porfiria da Silva Moraes.
Tn5. João Cavalheiro Filho casou com Vitória Caetana, filha de Aníbal Antônio Caetano e Florinda Ramos.
Tn6. Alcides Cavalheiro do Amaral n. c. 1889 
Tn7. Donatildes  Augusta do Amaral n. c. 1892 (dúvida)
Bn2. Antônio Cavalheiro do Amaral, nascido cerca de 1860 (ainda vivia em 1907) morador no município de Alegrete/RS. Casou com Josefa Alves do Amaral. Pais de:
Tn1. Maria da Glória Alves do Amaral (ou Cavalheiro do Amaral), n. a 12.7.1889 e foi batizada a 21.4.1890, Alegrete/RS, onde casou a 23.03.190, com Olinto Maurício da Silva, dito artista, n. 1875, filho de Maurício José da Silva (ou José Maurício da Silva) e Maria Gomes.
Tn2. João Cavalheiro do Amaral, n. 1900 c.c. 12.05.1922, Alegrete/RS. Casou com Elisa Fontoura Villar, n. 1904 filha de Rafael Menezes Villar de Maria Júlia Fontoura.
Tn3. Aurora Alves do Amaral, casou-se com Jacinto Antunes Maciel.

Bn3. Pedro Cavalheiro do Amaral, n. 8.10.1864, bat. 20.5.1865, Santo Ângelo e faleceu a 9.1.1883, São Luiz Gonzaga/RS, c/c Antônia Dias de Lima, filha de Francisco Dias de Lima e Maurícia Mendes da Rocha.
N2. Matilde Cavalheiro do Amaral Fontoura, batizada a 31.7.1842 em Lages/SC. Casou-se com Pedro Pereira Bueno. Pais de:
Bn1. Manuel Tristão Bueno nasceu em 1857 em São Borja/RS, Brasil. Casou-se aos 26 anos, a 20.9.1883, Passo Fundo/RS, com Clementina Francisca de Borba, natural do mesmo município, nascida a 16.9.1859, filha de Vidal Francisco de Borba[38] natural de Curitiba/PR, falecido 5.4.1894, Passo Fundo/RS, e Belmira Xavier Teixeira, natural de Passo Fundo/RS, onde faleceu a 25.3.1893 (casaram a 31.5.1857 Passo Fundo/RS). Os avós paternos de Clementina foram: Evaristo Francisco de Borba[39] e Felicidade Perpétua Guterres do Nascimento, naturais da cidade de Alegrete/RS. Seus avós maternos foram Gaspar Xavier Teixeira[40] e de Ana Felícia de Oliveira ambos naturais da Freguesia de Santa Maria/RS.
N3. Maria Antônia Cavalheiro do Amaral casada com Vitoriano Carvalho de Lima. Pais de:
           Bn1. Antônio, n. 29.11.1863, bat. 20.5.1865, São Luiz Gonzaga.
F5. GENOVEVA RAQUEL DO AMARAL
F6. MANUEL CAVALHEIRO DO AMARAL/LEITÃO FILHO
F7. RITA LOURENÇO DO AMARAL
F8. FRANCISCO ANTÔNIO CAVALHEIRO
F9. JOÃO CAVALHEIRO DO AMARAL FONTOURA, acreditamos que João Cavalheiro do Amaral Fontoura, batizado a 16.2.1812 em Lages/SC, tenha se casado em Lages ou no Rio Grande do Sul com Felicidade Alves da Silva (Felicidade casou em segundas núpcias com Joaquim Ferraz de Almeida, com quem teve 10 filhos), nascida cerca de 1821 e falecida a 13.8.1889 em São Gabriel/RS, filha de Inácio Alves da Silva e Eufrásia Maria de Oliveira/Pereira Vianna[41].
#Nota:
 Felicidade Alves da Silva casou em segundas núpcias com Joaquim Ferraz de Almeida, com quem teve 10 filhos:
1. Laurinda Alves de Almeida.
2. Maria Alíria Alves de Almeida.
3. João Ferraz de Almeida c/c Auta Cavalheiro do Amaral.
4. Henrique Alves (Ferraz) de Almeida c/c Pedro José Duarte.
5. Manuela Alves de Almeida c/c Davi ...
6. Maria Alves de Almeida.
7. Joaquim Alves de Almeida.
8. José Alves de Almeida.
9. Cândido Alves de Almeida e
10. Benícia Alves de Almeida.
***
João Cavalheiro do Amaral Fontoura e Felicidade geraram a:
N1. Joaquim Cavalheiro do Amaral, n. Santo Ângelo/RS. Casou a 5.5.1857 em Santo Cristo, à época pertencente a Santo Ângelo com Laura Balbina da Silva, n. Santo Ângelo, filha de João Antônio da Silva e Balbina Joaquina.

N2. Guilherme Cavalheiro do Amaral, nascido por volta de 1837 no RS, talvez em São Luiz Gonzaga e falecido a 29.11.1907 aos 68 anos, no 3º distrito Santo Ângelo, onde casou a 5.10.1856 com Manuela da Conceição Castilho, batizada a 31.7.1847 em São Borja/RS, filha de Vitorino Antônio de Castilho e Maria Brandina/da Conceição. João e Felicidade foram pais de 16 filhos. Felicidade casou em 2º matrimônio com Joaquim Ferraz de Almeida, com quem teve 10 filhos, que seguem:
Bn1. Auta Cavalheiro do Amaral, n. 13.9.1859, bat. 14.1.1861 em São Luiz Gonzaga/RS e fal. 28.7.1919 na Colônia Guarani (então 5º distrito de São Luiz Gonzaga/RS), sepultada Cemitério Campo Novo, c/c seu tio João Ferraz de Almeida, n. por volta de 1837, fal. aos 64 anos, em 16.2.1919, Colônia Guarani/RS, filho de Joaquim Ferraz de Almeida e Felicidade Alves da Silva. Pais de:
Tn. José Ferraz de Almeida, n. 16.7.1888, São Miguel das Missões.
Tn. Aparício Ferraz de Almeida, bat. com 4 anos a 16.5.1891 em São Miguel das Missões.
Tn. Aristides Ferraz de Almeida, n. 27.2.1890, São Miguel.
Tn1. Dionísia Ferraz de Almeida, n. 9.10.1890, São Miguel.
Tn1. Amabilia Ferraz de Almeida, n. 17.1.1892(?), distrito missioneiro de São Miguel, onde casou aos 27 anos, em 1921 com Pedro Netto da Silva, n. 18.1.1893, distrito de São Miguel, filho de Emiliano Neto dos Santos, natural do RS e morador no município de São Luiz Gonzaga/RS e Cândida Alves da Silva (n. RS e fal. em torno de 1897, distrito de São Miguel).
Tn3. João Ferraz de Almeida, n. 11.6.1893, São Miguel das Missões.
Tn4. Silvarina Ferraz de Almeida, n. 22.10.1894, São Miguel das Missões.
Tn5. Corino Ferraz de Almeida, n. 2.12.1895, São Miguel das Missões.
Tn6. Geraldo Ferraz de Almeida, n. 13.12. 1896,  São Miguel das Missões.
Tn7. Simão Ferraz de Almeida, n. São Miguel das Missões.
Tn8. Ernesto Ferraz de Almeida, n.1º.3.1900, São Miguel das Missões.
Tn9. Lucidoria Ferraz de Almeida, n.11.12.1901, São Miguel das Missões.
Bn2. Joaquim Cavalheiro do Amaral, n. 12.9.1861 em Santo Ângelo/RS e morador de São Miguel das Missões. Casou em 1901 no distrito missioneiro de Santa Tecla com Lídia Ferreira de Mello, então com 15 anos, filha de Joaquim Antônio de Mello (n. Santo Ângelo/RS e fal. aos 50 anos, a 9.10.1906 em São Luiz Gonzaga/RS) e Justina Teodora Ferreira (n. RS). Os avós paternos de Lídia foram Guilherme Antonio de Mello e Maria Antunes Maciel/da Conceição. Seus avós maternos foram Agostinho Theodoro Ferreira imigrante alemão, n. cerca de 1808, luterano, faleceu em 13.8.1896 em Santo Ângelo/RS, casado em 1ª núpcias com Maria Genoveva/Jerônima Moreira, natural deste estado, fal. 30.10.1874, Santo Ângelo/RS. (v. neste blog a família Schmidt/Ferreira). Pais de:
Tn1. Maria Cavalheiro, n. 3.11.1894, São Miguel das Missões.
Tn2. Maria José Cavalheiro, n. 3.11.1895, São Miguel das Missões.
Tn3. Laudelina Cavalheiro, n. 16.1.1898, São Miguel das Missões.
Tn4. Auta Cavalheiro de Melo, n. 29.10.1901, São Miguel das Missões.
Bn3. José Cavalheiro do Amaral, nasceu a 15.8.1864 ou 1.11.1865, Santo Ângelo/RS, solteiro, teve filhos com Maria (Antônia?) Paz Maciel, solteira, filha de Ricardo Paz Maciel e Paulina Roberta, ambos do RS e moradores no 3º distrito de Santo Ângelo/RS. Os avós paternos de Maria foram Ricardo Paz Maciel e Maria Úrsula. Seus avós maternos foram: Jerônimo Roberto e Ana Corrêa de Moura. Pais de:
Tn1. Diamantino Paz Maciel, n. 5.9.1905, São Miguel das Missões, onde casou em 1931 com Florisbela Maria dos Anjos n. 2.2.1910, mesmo distrito, filha natural de Bernardina Maria dos Anjos, n. 23.7.1874, bat. 9.11.1874 São Luiz Gonzaga/RS (e Lúcio Machado de Oliveira?). Os avós maternos de Diamantino foram Manoel Tomas de Simas e Florisbela Maria dos Anjos.
Tn2. Alcides Maciel do Amaral, n. 21.7.1907 em São Miguel das Missões, onde casou em 1928 com Maria Glória da Silva, n. 13.8.1904, São Luiz Gonzaga/RS, filha de João Vaz da Silva, n. RS e falecido em 1928, 3º distrito de Santo Ângelo/RS e Elisia Máxima do Amaral, então com 45 anos, do RS e moradora no 3º distrito de Santo Ângelo/RS.
Tn3. Avelino Cavalheiro do Amaral, n. 9.12.1910, Santo Ângelo/RS. Casou em 1931 em São Miguel das Missões com Maria José da Silva n. 26.7.1913, 3º distrito de Santo Ângelo/RS, filha  de Basílio Rangel da Silva (n. 14.2.1883) e Belmira Maria Ferreira (n. 18.12.1889, ambos do RS e moradores no 3º distrito de Santo Ângelo/RS). Os avós paternos de Maria José foram Joaquim Luiz da Silva e Joana Maria da Conceição. Seus avós maternos: Francisco José Ferreira e Maria Eufrásia Ferreira.
***Nota:
Francisco José Ferreira fal. em torno de 1910 (filho de Cândido José Ferreira e Maria Francisca Dias Barbosa) e Eufrásia Maria Ferreira, fal. em torno de 1905 (filha de Manoel de tal e Joana Cavalheiro).
Foram pais de:
1. Belmira Maria Ferreira c/c Basílio Rangel da Silva.
2. Porfíria Maria Ferreira c/c (H)Ozório Francisco da Silva.
3. Laudelino José Ferreira c/c Vidalvina Ferreira dos Santos.
4. Pedro José Ferreira c/c Luisa Gomes da Silva.
5. João José Ferreira c/c Etelvina da Silva Mello.
6. Ermelinda Ferreira

7. João Osório (?) Ferreira
Tn4. Manoel Maciel do Amaral, n. 20.11.1897, São Miguel das Missões. Casou com Cecília Maria dos Anjos, filha de Teodoro Ávila da Silva e Bernardina Maria dos Anjos.
Tn5. Carmelina Cavalheiro do Amaral, fal. aos 26 anos, a 19.7.1919 na Colônia Guarani/RS, casada com Solano Ferraz de Almeida. Sem descendência.   
Tn6. Aníbal Cavalheiro do Amaral casado com Otília Ávila da Silva, filha de Teodoro Ávila da Silva e Bernardina Maria dos Anjos.
Bn4. Eulália Cavalheiro do Amaral
Bn5. Laura Cavalheiro do Amaral
Bn6. João Miguel Cavalheiro do Amaral n.c. 1862 em São Luiz Gonzaga/RS, bat. 7.1.1875, Santo Ângelo/RS, onde fal. 2.3.1919. Casou em 1897 em São Luiz Gonzaga/RS com Vitoriana Ferreira de Mello, n. 29.3.1878, filha de Joaquim Antonio de Mello e Justina Theodoro Ferreira, ambos do RS. Os avós maternos de Vitoriana foram Agostinho Theodoro Ferreira (imigrante alemão, da família Schmidt) e Anna Maria Moreira.
Tn1. Ernesto Ferreira de Mello ou Cavalheiro do Amaral n. 23.6.1897 São Miguel das Missões. Casou em 1923 com Maria Francisca Souto n. 20.6.1907 no 1º distrito de Santo Ângelo/RS, filha de Honorina Souto Maior e Alfredo Antonio Machado. Avós maternos de Honorina foram Belisa de Miranda e Agostinho Souto Maior.
Tn2. Honorato Cavalheiro do Amaral n. 2.2. 1899 no 3º distrito de Santo Ângelo/RS. Casou em 1920 com Maria Luisa Souto Machado, n. 25.6.1899, 4º distrito de Santo Ângelo/RS, filha de Alfredo Antonio Machado (falecido a 1º.7.1899 no 4º distrito de Santo Ângelo/RS) e Honorina Souto Maior (fal. 17.8.1917 no 1º distrito de Santo Ângelo/RS).
Tn3. Manoel Ferreira ou Cavalheiro do Amaral n. 22.2.1901 São Miguel das Missões.
Tn4. Ambrozina Ferreira do Amaral ou Cavalheiro do Amaral, n. 23.1.1908, Santo Ângelo/RS, onde casou em 1924 com Pedro Rogério Fernandes, ali n. 19.12.1899, filho de Antônio Rogério Fernandes (fal. 3.1.1921) e Rosa Maria da Anunciação fal. 15.10.1903. Os avós paternos de Pedro Rogério foram: Francisco Ludgero/Rogério e Maria de Assunção. Seus avós maternos: José Antonio e Dimiciana Maria de Moraes.
***Nota:
Antônio Rogério e Rosa Maria foram pais:
1. Francisca Fernandes c/c João Dornelles.
2. Marcolina Fernandes
3. Manuel Rogério Fernandes c/c Pompilia Corrêa de Almeida e Elvira Moreira.
4. Salvador Rogério Fernandes c/c Porfíria Pires de Andrade.
5. João Rogério Fernandes c/c Francisca Maria de Aguiar.
6. Francisco Rogério Fernandes c/c Florinda Soares.
7. Maria Felisbina Fernandes c/c Joaquim Pinto de Almeida.
8. Idalina Fernandes. 
9. Pedro Rogério Fernandes c/c Ambrosina Ferreira do Amaral.
10. José Rogério Fernandes c/c Angelina Pereira da Luz.
***
Tn5. Setembrina Ferreira de Mello ou Cavalheiro do Amaral, n. 2.10.1909, Santo Ângelo/RS, onde casou em 1925 com Horácio Pereira da Luz, n. em 9.10.1904, no 1º distrito Santo Ângelo/RS, filho de Cristiano Pereira da Luz e Ana Rodrigues da Luz, neta paterna de Antônio Pereira da Luz e Maria Vitalina.
Tn6. Umbelina Cavalheiro do Amaral 
Bn7. Venceslau Cavalheiro do Amaral n. 17.7.1873, Santo Ângelo/RS. C/c Manoela Silveira Torres, filha de Firmino da Silveira Torres e Maria Claudiana do Rosário.
**Notas:
Firmino e Claudiana foram pais:
1. João Silveira Torres
2. Domingos Silveira Torres
3. Maria Silveira Torres c/c Marcolino Netto dos Santos.
4. Gertrudes Silveira Torres c/c Firmino Netto dos Santos.
5. Francisca da Silveira Torres c/c José  Netto dos Santos.
6. Paulina da Silveira Torres c/c José Netto dos santos.
7. Clara Silveira Torres c/c Emiliano Netto dos Santos.
8. Manoela Silveira Torres c/c Venceslau Cavalheiro do Amaral.

9. Diolinda
Venceslau e Manuela foram pais de:
Tn1. Elizário Cavalheiro do Amaral, n. 21.5.1899, distrito missioneiro de São Miguel.
Tn2. Guilhermina do Amaral, n. 15.5.1900, distrito missioneiro de São Miguel.
Bn8. Inocência Cavalheiro do Amaral/Ferreira do Amaral, n. 28.6.1876, São Miguel das Missões, onde casou em 28.2.1913 (religioso em 28.2.1913 mesmo distrito), com José Ferreira dos Santos, n. 1890 em São Borja/RS e morador São Miguel das Missões, filho de João Tomaz dos Santos e Laurinda Alves da Silva/do Amaral, naturais do RS e moradores São Miguel. Pais de:
Tn1. Hortência Santos Cavalheiro, n. 20.5.1897, São Miguel das Missões.
Tn2. Dinarte Santos Cavalheiro, n. 20.5.1900, São Miguel das Missões, onde casou em 1926 com Mafalda dos Santos Ferreira, n. 2.5.1905, mesmo distrito, filha de Pedro dos Santos de Oliveira e Filomena Cristiana Ferreira Burgdolff. Os avós paternos de Mafalda foram Camila dos Santos Ferreira e João Henrique de Oliveira (?). Seus avós maternos: Carlos Burgdorff e Maria Cristiana Ferreira.
***Nota:
João Henrique de Oliveira e Camilia foram pais de:
1. João Damasceno de Oliveira c/c Gabriela Teodora Ferreira (Burgdorff?).
2. Pedro dos Santos de Oliveira c/c Filomena Christiana Ferreira Burgdorff.
3. Constancia Maria de Jesus c/c Francisco Correia/Corrêa de Andrade.
4. Mariano dos Santos de Oliveira c/c Brígida Correia/Corrêa de Andrade.
5. Domingos Santos de Oliveira c/c Vicentina Ávila da Silva.
6. Salustiano Henrique dos Santos c/c Belmira Floriano (Pavão/Machado).

7. Vitalina dos Santos de Oliveira c/c Crescêncio Corrêa de Andrade.
Bn9. Maria Cavalheiro do Amaral, n. 28.6.1876, São Miguel das Missões, onde casou em torno de 1901 com Manoel Netto da Silveira, 25 anos, nascido em São Luiz Gonzaga/RS, filho de Marcolino Netto Cavalheiro/dos Santos e Maria da Silveira Torres, moradores São Luiz Gonzaga/RS. Seus avós maternos foram Firmino da Silveira Torres e Claudina Maria do Rosário.
**Nota:
Firmino e Claudina foram pais:
1. Maria da Silveira Torres c/c Marcolino Netto dos Santos.
2. Gertrudes da Silveira Torres c/c Firmino Netto dos Santos.
3. Francisca da Silveira Torres c/c Manoel Netto dos Santos.
4. Paulina da Silveira Torres c/c José Netto dos Santos.
5. João da Silveira Torres
6. Clara da Silveira Torres c/c Emiliano Netto dos Santos.
7. Manoela da Silveira Torres Wenceslau Cavalheiro do Amaral.
8. Diolinda
9. Domingos da Silveira Torres (dúvida)

[Ver neste blog a família de Inácio Bueno de Arruda].
Tn1. João Maria da Silva, n.7.8.1899, São Miguel das Missões.
Tn2. Marcelino Netto Cavalheiro, n. 29.10.1900, Santo Ângelo/RS.
Tn3. Horaides Netto do Amaral, moradora São Miguel das Missões, onde casou aos 16 anos, em 1928, com Vitor Ernesto Paiva, 19 anos, nascido no RS e morador no 7º distrito de São Luiz Gonzaga/RS, filho de Belmiro Ernesto Paiva e Ana Maria Ferreira de Mello, falecida em torno de 1920, no 1º distrito de Santo Ângelo/RS. Os avós paternos de Vitor foram Germano Paiva e Joaquina Maria de Lima. Seus avós maternos foram Joaquim Antonio de Mello e Justina Theodoro Ferreira.
Bn10. Amália Cavalheiro do Amaral casou aos 36 anos, em 1915, São Miguel das Missões, com Manoel Silveira Pastoriza, 28 anos, filho de Antônio Silveira Pastoriza e Antônia dos Santos Leal.
Bn11. Bonifácio Cavalheiro do Amaral, n. RS e morador no 3º distrito de Santo Ângelo/RS. Casou em 1912 com Virgilina Maria Severo, n. 18.2.1888, filha de Bento Antônio Severo e Arminda Maria/Antônia Ribeiro, ambos do RS e moradores no distrito missioneiro de São Miguel. Os avós paternos de Virgilina foram Laureano Antônio Severo e Bernardina Cyriaca/Antônia da Silva, ambos de Sorocaba/SP. Seus avós maternos foram Salvador Antônio Severo e Maria Ribeiro.
***Notas:
Bento e Arminda foram pais:
1. Anacleto José Severo c/c Ana Antunes Ribas.
2. Dioclecia Antonita Severo c/c Israel Moreira Machado.
3. Aurora Maria Severo c/c João Antunes do Nascimento.
4. Maria José Severo c/c Alexandre Jacinto da Silva.
5. Severino Antônio Severo
6. Salvador Severo Neto c/c Amélia Severo da Silva.
7. Virgilina Maria Severo c/c Bonifácio Cavalheiro do Amaral.
8. Juvenal Antônio Severo c/c Vitalina Lemos de Oliveira.

**Laureano Antônio Severo casou em primeiro matrimônio com Brígida Maria de Oliveira, que teve seu inventário autuado em 1860, Cruz Alta/RS (filha de Francisco Pereira de Barros e Ana Joaquina do Nascimento). Deste casamento houve 4 filhos. Depois Laureano casou-se com Bernardina Cyriaca, tendo mais 13 filhos, que seguem:
1. Quirino Antônio Severo casado com Maria Antônia da Conceição.
2. Anacleto Antônio Severo c/c  Bernardina Severo e Páscoa Rosa Severo.
3. Floriano Antônio Severo fal. na infância.
4. Constantino Antônio Severo fal. na infância.
Filhos do 2º matrimônio de Laureano com Bernardina:
5. Patrício Antônio Severo morador do 4º distrito de Palmeira.
6. Salvador Antônio Severo
7. Israel Antônio Severo
8. Maria c/c Leão de Souza Duarte.
9. João Antônio Severo
10. Antônio José Severo c/c Ambrosina Juliana de Moura, n. Cruz Alta/RS, filha de Militão Ferreira de Moura e Perpétua Felicidade de Mello.
11. Francisca Severo
12. Aurora Severo
13.Bento Antônio Severo c/c Arminda Antônia/Maria  Severo, filha de Salvador Antônio Severo e Maria Ribeiro
14. José Antônio Severo c/c Perpétua Felicidade de Moura, filha de Militão Ferreira de Moura e Perpétua Felicidade de Mello. 
15. Maria Francisca Severo c/c João Nogueira de Andrade, n. Cruz Alta/RS, filho de José Nogueira de Andrade e Felisbina Maria de Moura.
16. Pedro Antônio Severo c/c Maria Gabriela Antunes.
17. Faustino Antônio Severo
18. Juvenal Antônio Severo c/c Victalina Lemos de Oliveira.
Bn12. Guilhermino Cavalheiro do Amaral, n.c 1860 e fal. 1915. C/c Antônia Severo Machado (filha de Rafael Roque Machado e Docelina Severo).  Pais de 10 filhos, dentre eles: Zulmira Cavalheiro do Amaral (fal. em 2014 na cidade de Cândido Godói/RS, conforme dados de Arlindo José Vogel); Noêmia Cavalheiro do Amaral (1928-2009, c/c José Willibaldo Vogel, pais de Arlindo José Vogel), João Cavalheiro (migrou para Maravilha/SC na década de 1950, onde foi delegado de polícia, vereador e prefeito, falecendo em 1972) e Guilhermina Severo do Amaral (1917-1980).
Bn13. Tertuliano Cavalheiro do Amaral
Bn14. Manoel Cavalheiro do Amaral, n. 30.1.1887, Santo Ângelo/RS.
Bn15. Manoel Cavalheiro do Amaral, fal. solteiro.
Bn16. Francisco Cavalheiro do Amaral, fal. solteiro. 
F10. MARIA JOSEFA DO AMARAL, batizada a 25-12-1813 em Lages/SC, onde casou por volta de 1825 com Manuel Muniz de Moura, nascido cerca de 1810 em Sorocaba/SP, possivelmente filho de Francisco de Paiva Muniz[42] e Maria Antônia de Moura. Em 1844 Maria Josefa e Manuel já eram falecidos. Pais de:
N1. Ana Muniz do Amaral casou a 11.10.1844, Lages/SC com o tio Antônio Muniz de Moura, filho de Francisco de Paiva Muniz e Maria Antônia de Moura.
N2. Antônio Cavalheiro do Amaral (Muniz), nascido cerca de 1830. Casou a 17.7.1857 Lages/SC, com Maria Cesária de Córdova (dos Prazeres), filha de Antônio da Rosa Madruga[43], natural de Povo Novo/RS, onde faleceu a 31.5.1860, e Alexandrina Ribeiro de Córdova/dos Prazeres e Córdova. Os avós paternos de Maria Cesária foram Manuel da Rosa[44], n. Castelo Branco, Ilha do Faial/PT, e Josefa Maria de Santo Antônio, n. 15.10.1759, Rio Grande/RS. Seus avós maternos foram Bento Ribeiro de Córdova[45] (filho de Nicolau Gonçalves e Mariana Ribeiro de Córdova) e Maria Jacintha do Amaral (filha de José Francisco de Moraes Navarro e Maria de São Boaventura do Amaral e Silva). 9 filhos.
F11. CLEMENTINO CAVALHEIRO DO AMARAL FONTOURA
F12. MARIA DA GLÓRIA CAVALHEIRO

***

FONTES E BIBLIOGRAFIA:

1. Blogs e páginas consultadas:
- CAVALLARO, Glacy Weber Ruiz. Genealogia Weber Ruiz, disponível em: http://www.weber-ruiz.com/silva_mattos/joaquim_silva_mattos_sobrinho.html
- KOTCHERGENKO, Tânia Arruda. Arquivo pessoal e blog http://lageshistorica.blogspot.com.br/2011/02/relacao-de-inventarios-1851-1860.html
- Os Carneiro da Fontoura, disponível em: http://www.carneirodafontoura.com/grupo_1_5.html
- RICHA, Lênio Luiz. Genealogia Brasileira. Estado de São Paulo – Os títulos perdidos, disponível em: http://www.genealogiabrasileira.com/titulos_perdidos/cantagalo_ptolileitoes.htm
- SCHLEDER, Daniel. Memórias e descobertas sobre genealogia, disponível em: http://schleder.blogspot.com.br/2011_10_01_archive.html
- SCHNEIDER, Ismênia Ribeiro. Blog:http://genealogiaserranasc.blogspot.com/
- SILVEIRA, Valdenei. Genealogia da Família Silveira (Jeremias), disponível em: http://wc.rootsweb.ancestry.com/cgi-bin/igm.cgi?op=REG&db=valdenei&id=I9895

2. Arquivos:
- Arquivo da Diocese de Bagé/RS: livros de batismos e casamentos de São Gabriel.
- Arquivo da Diocese de Santo Ângelo/RS: livros de batismos, casamentos e óbitos de Santo Ângelo, Santa Tecla e Cruz Alta.
- Arquivo da Igreja mórmon
- Arquivo Histórico da Cúria Metropolitana de Porto Alegre (AHCMPA): livros de batismos, casamentos e óbitos de Triunfo, Porto Alegre.
- Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul (APERS): inventários, habilitações de casamento e talões do Registro Civil.
- arquivos pessoais de Luiz Carlos Zorzi; Nelson Soares Keffer, Gilson Justino da Rosa e João Simões Lopes Filho.

3. Livros e obras:
- ALVES, Luiz Antônio. Memorial Açoriano. Tomo I.
- BOGACIOVAS, Marcelo Meira Amaral. Antigos Proprietários Rurais de Lages. Publicado na Revista da ASBRAP n.º 6, disponível em: http://www.asbrap.org.br/publicac/biblioteca/Antigas%20propriedades%20rurais%20de%20Lages.pdf
- CAVALARI, Rossano Viero. Os olhos do general: porque Firmino de Paula foi um dos homens mais temidos de seu tempo? Porto Alegre: Martins Livreiro ed., 2007.
- FABRÍCIO, José de Araújo. A Freguesia de Nosso S. Bom Jesus do Triunfo. Seus primeiros povoadores, na segunda metade do século XVIII. Publicada na Revista do IHGRS, vol. 27, ano de 1942.
- FRANCO, Francisco de Assis Carvalho. Dicionário de Bandeirantes e Sertanistas do Brasil. Séculos XVI – XVII – XVIII. Comissão do IV Centenário da Cidade de São Paulo. Indústria Gráfica de Siqueira S/A: 1953.
- OLIVEIRA, Sebastião Fonseca de. Aurorescer das Sesmarias Serranas – História e genealogia. Porto Alegre: EST. 1996.
- PEREIRA, Cláudio Nunes (org.). Genealogia Tropeira.
- SILVEIRA, Hemetério José Velloso da. As Missões Orientais e seus antigos domíniosPorto Alegre: Companhia União de Seguros Gerais, 1979.

[1] Irmã do Marechal João de Deus Menna Barreto, presidente da Província do Rio Grande do Sul e Visconde de São Gabriel.
[2] RICHA, Lênio Luiz (http://www.genealogiabrasileira.com/titulos_perdidos/cantagalo_ptolileitoes.htm); KOTCHERGENKI, Tânia Arruda (http://lageshistorica.blogspot.com.br/2011/02/relacao-de-inventarios-1851-1860.html); SCHNEIDER, Ismênia Ribeiro (http://genealogiaserranasc.blogspot.com.br) e no Memorial Açoriano (tomo I), de Luiz Antônio Alves, sem prejuízo de outras citadas ao longo do texto.
[3] Este mesmo jornal cita o cunhado de Ciro: Francisco Pinto dos Reis.
[4] José Luiz e Francisca foram pais de:
1. Felisberto Faustino de Queiroz c/c Florinda Rodrigues Padilha de Queiroz.
2. Maria da Conceição
3. Ana Lucia c/c Manuel Luis de Farias.
4. Inácia Maria c/c Rafael Antônio de Almeida.
5. João Luiz de Queiroz
6. Irineu Afonso de Queiroz
7. Maria Francisca c/c Antônio Balbino da Fonseca.
8. Manuela Isolina c/c Christiano Lautert.
9. Apolinária Maria de Jesus.
10. Guilhermina de Queiroz.
[5] Antônio Salvador casa-se em 2ª núpcias com Isolina Antunes Cavalheiro Fernandes, nascida a 30.10.1883 no 1º distrito Santo Ângelo/RS, filha de Bertoldo Antunes Cavalheiro, falecido em 18.12.1897 e Maria Silva dos Santos falecida em 7.9.1919. Antônio e Isolina não tiveram filhos.
[6] Leopoldino Alves Teixeira e Francisca Maria de Oliveira foram pais de:
1. Teodósio Alves Teixeira
2. João Alves Teixeira casado com Maria Marques Teixeira.
3. Joaquina Alves Teixeira casada com Felisbino Cardoso de Almeida (irmão de Manuel Cardoso de Almeida).
4. Manuel Alves Teixeira casado com Maria Paulina de Almeida.
5. Boaventura Alves Teixeira casado com Maria Francisca Franco de Almeida.
6. Paulina Alves Teixeira casada com Silvério Rodrigues de Paula.
7. Reginalda Alves Teixeira casada com Pedro Garcia dos Reis (filho de Bonifácio Gomes dos Reis e Ana Maria de Jesus).
8. Maria Alves Teixeira casada com Miguel Franco de Almeida.
9. Laura/Luiza Alves Teixeira
10. Rosa Alves Teixeira
11.Vicente Alves Teixeira
12. Vitoriana Alves Teixeira
13. Antônia Alves Teixeira
14.Inocêncio Alves Teixeira casado com Zulmira Luiz Carneiro.
15. Salvador Alves Teixeira
16. Lourenço Alves Teixeira
[7] Lourenço Luiz de Oliveira falecido a 10.10.1873, Santo Ângelo/RS, foi pai:
Filhos do 1º matrimônio com Maria Cecília Pereira:
1. Braz Luiz de Oliveira casado com Maria Angélica Soares Leal, natural do Paraná, casados no Paraguai.
2. Benedita Maria de Oliveira c/c Domingos Gomes de Quevedo.
3. Francisco Luiz de Oliveira
4. João Luiz de Oliveira casado com Angélica Maria Joaquina de Almeida/Bittencourt.
5. Francisca Maria de Oliveira casada com Leopoldino Alves Teixeira.
6. Rosa Maria de Oliveira casada com Calisto Nunes de Freitas.
7. Maria do Carmo de Oliveira casada com José Rodrigues de Almeida.
Filhos do 2º matrimônio com Maria Jesuína da Silva/da Soledade, casados no Paraná:
8. Balbina Maria de Oliveira casada com Manuel Garcia dos Reis.
9. Delfina c/c Manuel Mateus de Quadros.
10. Leonarda casada com Felisbino Luis de Oliveira.
11. Marcolina casada com Vicente José da Silva.
12. Lino Luiz de Oliveira casado com Vitorina Maria Prestes e, após, com Arminda Ferreira de Escobar.
13. Manuel Luiz de Oliveira casado com Ana Maria Fernandes Prestes.
14. José Luiz de Oliveira
15. Salvador Luiz de Oliveira casado com Generosa Alves Teixeira.
16. Manuel Antônio Luiz de Oliveira casado com Vitalina Maria da Silva (ver Fam.Januário Gomes de Quevedo e Francisca Lopes de Almeida).
[8] Anastácio Ávilla e Marcelina Ávilla da Rosa foram pais:
1. Bibiano Ávilla da Rosa casado com Adelaide leal de Oliveira.
2. Paulino Ávilla da rosa casado com Maria Gomes de Oliveira.
3. Gabriel Ávilla da rosa casado com Josefina Pereira da Silva.
4. Silvina Ávilla da Rosa casada com Marcirio José dos Santos.
5. Serafim Ávila da Rosa
[9] Manuel Marcelino e Francisca foram pais de:
1. Maria Marcelina Ribeiro casada com Francisco Antunes de Freitas.
2. Gertrudes Maria Ribeiro casada com Ramão Rodrigues Padilha.
3. Pedro Ribeiro da Silva
4. Manuel Ribeiro da Silva
5. Maria Ribeiro casada com Salvador Joaquim de Borba.
6. Brasilicia Ribeiro casada com Alexandre Joaquim de Borba.
7. Manuel Amâncio Ribeiro
 8. Crescêncio Ribeiro da Silva
[10] Ângelo Rodrigues de Paula e Florisbela Maria de Jesus foram pais:
1. Maria Cândida de Jesus casada com Ângelo da Costa Leite, moradores em São Lourenço.
2. Ângelo Rodrigues de Paula Filho c/c Luísa Maria da Rosa.
3. Ana casada com Wenceslau de Paula e Silva, moradores em São Lourenço.
4. Generosa Maria de Jesus casada com João Teixeira Machado.
5. Rosa Marcelina Rodrigues de Paula/de Jesus casada com Vicente Marcelino da Rosa.
6. Silvério Rodrigues de Paula c/c Paulina Alves Teixeira.
7. Serafim Rodrigues de Paula
8. José Rodrigues de Paula /c Antônia Jcinta da SIlva.
9. Manuel Rodrigues de Paula c/c Maria Teixeira de Deus.
10. Candido Rodrigues de Paula casado com Deolinda Maria de Jesus.           
11. Joaquim Rodrigues de Paula casado com Anna Teixeira de Deus (dos Anjos).
[11] Bertoldo e Maria foram pais de:
1. Isabel Antunes Cavalheiro c/c João Mousquer Sobrinho.
2. José Antunes Cavalheiro
3. Juliana Antunes Cavalheiro c/c José de Oliveira Ribas.
4. Isolina Antunes Cavalheiro c/c Antônio Salvador Fernandes.
5. Ladislau Antunes Cavalheiro
6. Norberto João Antunes Cavalheiro c/c Idalina Gomes Carneiro.
7. Francisco Antunes Cavalheiro
8. Bertoldo Antunes Cavalheiro
9. Arminda Antunes Cavalheiro
[12] Juliana Alves da Cruz fora casada em 1º matrimônio com José Joaquim da Silva (falecido São Luiz Gonzaga/RS), com quem teve os filhos;
1. Paulina Alves Maciel
2. Maria Joaquina Alves da Silva 
3. José Alves Pereira/ou da Silva
4. Antônio José Alves da Silva
[13] João Francisco e Maria Manuela foram pais de: Maria Rosa, Ataualpa, Leovegilda, Rosalina, Laudelino e Atanásio.
[14] Lindolfo casa em 2ª núpcias com Amazilda Teixeira, que nasceu 6.1.1919/RS e faleceu 21.4.1981 Santo Ângelo/RS, filha de Jordão Teixeira e Alcinda/Olinda Biermann. O casal teve 4 filhos.
[15] Manuel Marcelino da Rosa falecido em dezembro de 1854, distrito missioneiro de São Miguel/RS, casado, primeiramente, com Fabiana de Tal, com quem teve 4 filhos: Felícia, Francisca, Ana e João.
Manuel casa depois, com Josefa Gomes de Quevedo, com quem terá 8 filhos: Maria Luísa, Joaquina, Vicente, Fabiano, Ricardo, Marcelino, Policarpo e Florisbela.
[16] João Antônio fora casado, anteriormente, com Rosa Ozório da Conceição, que deixou os filhos: Maria José da Conceição, Joana Maria da Conceição, Boaventura Antônio da Conceição, Eleutério Antônio da Conceição e Quintino Eurico da Conceição.
[17] Francisco e Januária foram pais:
1. Niederauer de Paula Vieira casado com Carmelina de Oliveira e Silva.
2. Francisco Alexandre Vieira casado com Marcelina Luiza Carneiro.
3. Alípio Gomes Vieira
[18] Francisco Fernandes de Moraes falecido a 3.12.1908 em Santo Ângelo e Joana, tiveram os filhos:
1. José Fernandes de Moraes c/c Maria Prestes de Oliveira.
2. Procópio Fernandes de Moraes
3. Margarida Fernandes de Moraes c/c Cirineo Luiz Carneiro.
4. Felisberta Fernandes de Moraes c/c João Mateus dos Santos.
5. Felicidade Fernandes de Moraes.
[19] Felisberto (filho de Ana Joaquina de Mello) falecido 23.8.1904, e Faustina ( filha de Constantina Josefa de Andrade, Faustina estava casada em 1856 com seu tio materno Luciano José de Andrade) foram pais de:
1. Joana Roballo de Moraes c/c Francisco Fernandes de Moraes.
2. Rolando dos Santos Roballo c/c Josefina Cardoso de Aranda.
3. Angelina dos Santos Roballo c/c José Gomes de Quevedo.
4. Felisberta Antônia Rodrigues
5. Josefa dos Santos Roballo c/c Manuel Pereira da Silva.
6. Arão dos Santos Roballo c/c Josefa de Andrade.
7. Jacundino dos Santos Roballo.
8. Laureano dos Santos Roballo.
9. Primo dos Santos Roballo c/c Francisca Xavier das Chagas e Firmina Gomes (de Quevedo?)
[20] Eufrásia e Inácio foram pais de:
1. Felicidade Alves da Silva foi casada com João Cavalheiro do Amaral e em 2º matrimônio com Joaquim Ferraz de Almeida.
2. Carolina Alves da Silva
[21] José Pereira e Bernardina foram pais de:
1. Antônio Pereira Vianna casado a 16.10.1837 Tapes (NS das Dores) com Leonarda Maria da Rocha, filha de João Rodrigues da Rocha (Curitiba) e Eufrásia da Rocha ou Francisca Maria de Jesus (Santo Antônio da Patrulha).
2. Quitéria Pereira Vianna nasceu 12.4.1802 e foi bat. 20.4.1802 Madre de Deus, Porto Alegre.
3. Eufrásia Pereira Vianna c/c Inácio Alves da Silva e com José Cavalheiro do Amaral Fontoura.
[22] A ascendência de Quitéria pode ser encontrada em: João Simões Lopes Filho-
[23] O Cap. Matias e Claudiana foram pais de 12 filhos abaixo listados. Matias casa em 2º matrimônio, a 6.2.1869 Alegrete/RS, com Ana de Castro Jobim Teixeiranat de Alegrete/RS, filha de Francisco Martins da Cruz Jobim e Maria Júlia de Castro Jobim, com quem teve 2 filhos.
A ascendência de Ana de Castro pode ser encontrada em:
1. Henriqueta Amália Teixeira c/c Francisco Teixeira de Almeida.
2. Cap. Luiz Matias Teixeira de Almeida
3. Tito Teixeira de Almeida
4. Francisca Carolina Teixeira c/c Manuel Cavalheiro do Amaral.
5. Evarista Teixeira c/c Tte. Aníbal Quirino da Silva.
6. Inocência Teixeira Guterrez c/c Amandio Antônio Guterrez.
7. Maria Olímpia Teixeira
8. Tte. Luciano Teixeira de Almeida c/c Anabelia (?) de Castro Jobim Teixeira.
9. Maria Olímpia Teixeira c/c Tte Antônio Januário Teixeira.
10.  José Teixeira de Almeida
11. Matias Teixeira de Almeida Filho
12.  Jose Matias Teixeira de Almeida
Filhos do 2º matrimônio
13. Francisco Martins da Costa Jobim
14. Paulo
[24] Em seu testamento, Zeferino informa ser filho de Sebastião Subtil nascido em Vacaria e Maria Joaquina Antunes. Porém, de acordo com informação recebida do Museu Tropeiro de Castro/Paraná, seus pais foram Antônio Joaquim de Ramos Ferreira e de Maria Joaquina Antunes.
[25] José Francisco de Miranda Osório e Maria José foram pais de:
1. Belisa de Miranda Osório casada com seu tio materno Agostinho Souto Maior.
2. Conrado de Miranda Osório, n. 25.3.1855, bat. 21.6.1856, Cruz Alta/RS,  casado com Alexandra Rodrigues da Silva.
3. Joaquim de Miranda Osório, n. 19.4.1856, bat. 23.6.1856, Cruz Alta/RS, casado com Carolina Cavalheiro do Amaral.
4. Tibúrcio de Miranda Osório
5. Flacila de Miranda Osório casou com seu tio Fidelis Souto Maior (que c/c depois com Emerenciana da Silva Moraes).
6. Hermes de Miranda Osório
7. Joaquina de Miranda Osório, n. 25.6.1874, bat. 7.1.1877, São Borja/RS.
[26] José Francisco e Maria Joaquina foram pais de:
José Francisco de Miranda Osório casado com Maria José Souto Maior.
[27] Tibúrcio e Flacila foram pais de:
1. Maria José Souto Maior casada com José Francisco de Miranda Osório.
2. Carolina Amélia Souto Maior casada com Theodoro Paulo Gaspar.
3. José Maria Souto Maior
4. Agostinho Souto Maior casado com sua sobrinha Beliza Miranda Osório.
5. Belmira Cândida dos Santos casada com Rufino do Nascimento e Silva.
6. Fidélis Souto Maior com sua sobrinha Flacila de Miranda Osório.
[28] Francisco José Machado e Eleutéria de Souza Ávila (falecida a 1.9.1890, Santa Tecla, filha de José de Souza Ávila e Anna Maria Ávilla), foram pais de:
1. João José Machado casado com Maria José Machado, viúva de José Francisco Machado.
2. Albina Maria casada com Manuel da Silva Lourega.
3. Rufina de Souza Ávila casada com Venceslau Rodrigues dos Santos.
4. Felisbino José Machado casado com Emília Antunes Cavalheiro/ Amaral.
5. Fermiano José Machado casado com Manuela Rodrigues dos Reis.
6. Francisco José Machado casado com Francisca Pires de Lima.
7. Flora de Souza Ávilla
8. Júlio José Machado casado com Albina Cordeiro dos Reis (filha de Joaquim Cordeiro dos Reis e Constança Alves da Silva) e, após, com Damásia Maria Santos.
9. Maria Francisca de Souza Ávilla casada com Joaquim Cordeiro dos Reis    
10. José Francisco Machado casado com Maria José Brandão.
[29] Jacinto e Jesuína tiveram os filhos:
1. Marciliana Nunes de Freitas c/c João Manoel Prestes.
2. Belmira Nunes de Freitas c/c Aníbal Ferreira Escobar.
3. Laurentina Nunes de Freitas
4. Rosa Nunes de Freitas c/c Firmino Nunes de Freitas.
5. Ângelo Nunes de Freitas c/c Inês Francisca de Souza.
6. Clemência Nunes de Freitas c/c Simpliciano Sarate Dias.
7. Francisco Vieira Neto c/c Alexandrina da Silva Jardim.
8. João Nunes de Freitas ou Vieira Neto c/c Maria Xavier dos Santos
9. Luiz (Osorio) Nunes de Freitas c/c Maria Joaquina Rodrigues (?) de Oliveira.
10. Maria Nunes de Freitas c/c Valentim Ferreira de Escobar e com Cipriano Sarate Dias.
11. José Nunes de Freitas c/c Josefina Fernandes de Moraes.
12. Marcos Nunes de Freitas c/c Rosa de Paula Chagas.
13. Inez Nunes de Freitas c/c Napoleão Nunes de Freitas e depois com Claudio José de Espindola.
14. Irineu Nunes de Freitas c/c Constança Maria do Amaral Machado.
15. Garibalde Nunes de Freitas c/c Luiza Nunes de Freitas/Chagas.
16. Geralda Nunes de Freitas c/c Henrique Cardoso da Rosa.
[30] José Floriano e Maria Francisca foram pais de:
1. Maria Josefa da Silva c/c Maximiano Rodrigues de Palma.
2. Honorata Maria da Silva casada com Manuel Corrêa Leite.
3. Joaquim Floriano da Silva
4. Pedro Floriano da Silva casado com Bertolina Lopes Ferreira.
5. Francisco Floriano da Silva casado com Custódia Maria de Moraes.
6. Anna Maria da Silva casada com Vital Inácio Prestes.
[31] José Gomes Cardoso foi casado em 1ª núpcias com Sofia Rodrigues do Amaral, com quem teve a filha Silvina Gomes da Conceição. José e Maria Carolina tiveram a única filha Iria Gomes da Silva nascida em Alegrete/RS, casada com Claudio Machado de Souza de Taquari/RS.
[32] Francisco José Machado e Francisca Pires de Lima (falecida em 6.6.1909 distrito de Santa Tecla) foram pais:
1. Zelina Pires Machado casada com Lauro Lourega Vianna e Adão Hassem.
2. Adelina Pires Machado casada com Turíbio Reis de Araújo.
3. Ecilda Pires Machado (dúvida)
4. Inácio José Machado casado com Lisbela da Silva Machado.
5. Flora Pires Machado casada com Abílio Reis.
6. Brasilina Pires Machado casada com Inocêncio Medeiros de Quadros.
7. Olmiro José Machado (dúvida) casado com Vicentina Cavalheiro do Amaral.
8. Dario José Machado (dúvida) casado com Custódia Barbosa dos Reis.
9. Antônio José Machado casado com Geny Cardoso de Almeida.
10. Helmirio
[33] Gabriel Pires de Almeida e Maria Francisca de Almeida Reis tiveram a única filha:
1. Francisca Pires de Lima casada com Francisco José Machado.
Maria Francisca de Almeida Reis era filha de Anastácia Duarte de Assumpção. Em seu testamento, Maria Francisca declara que, no estado de viuvez, teve (com Joaquim Cordeiro dos Reis?) a filha Aurelina Reis casada com Octavio Pereira Vianna, que “fica reconhecida através deste testamento”.
[34] Manuel (nat de Curitiba) e Laura (natural de Porto Alegre) foram pais de:
1. Severiano Silveira Torres bat 15.11.1818, Azevedo/RS.
2. Fermino da Silveira Torres n. 2.1.1815 bat 12.1.1815 Azevedo.
3. Delfina Vaz Torres c/c Antônio Cavalheiro do Amaral.
4. Maria Rosa Seberina/Maria Rosa Vaz Torres bat. 30.4.1811 Azevedo/RS, c/c Joaquim Mariano Nunes.
5. Francisco Vaz Torres, faleceu solteiro, mas teve filhos com Maria Antônia da Encarnação.
[35] O historiador Hemetério J. Velloso da Silveira (1979, p. 218), referiu-se ao assassinato de Luiz Cavalheiro do Amaral, ocorrido em 23 de dezembro de 1881, o qual após ter sido acusado e preso pela morte de Agostinho Souto Maior, foi retirado da prisão e degolado por cerca de 20 homens. 
[36] Inácio José e Rita Joaquina foram pais de;
Maria Rita da Silva c/c Ricardo José Francisco
Maria Ignacia da Silva c/c Luiz Cavalheiro do Amaral, ausente para o exercito
Inácio José da Silva
Claudino Inácio da Silva
Rosa Conceição da Silva c/c Elias Inácio Cortes
Inocência Inácia da Silva
Leonida Inácia da Silva
[37] Agostinho Pereira Leitão filho n. 5.5.1835 São Gabriel, onde foi bat. a 2.9.1835, falecido a 8.11.1893 SLG, filho natural (legitimado) de Mj. Augusto de Siqueira Pereira Leitão n. 1.6.1810 Cachoeira do Sul falecido a 15.12.1869 São Gabriel (Mj. Augusto de S.P. Leitão c/c Prudência Amália Domingues da Silveira, filha de Joaquim José Domingues e Silva e Ana Antônia da Silveira). A mãe de Agostinho é referida por ele, em seu primeiro casamento, como Maria Augusta, nat. do Estado Oriental.
Augusto Pereira Leitão e seu irmão Álvaro Paulino Pereira Leitão,
filhos de Augusto de Siqueira Pereira Leitão e Prudência
Amália Domingues da Silveira, na Guerra do Paraguai.
Fotografia do acervo de Luiz Fernando de Carvalho,
genealogista e bisneto de Augusto.
Os avós paternos de Agostinho P. Leitão foram Antônio Vicente de Siqueira Pereira Leitão e Juliana Pereira de Macedo.
Agostinho casou 3 vezes, foi pai de 5 filhos com a 2ª esposa.
1º matrimônio com Maria José de Abreu.
2º matrimônio com Maria Caetana da Silveira. 5 filhos.
3º matrimônio com Maria Inácia da Silva.
[38] O Cap. Vidal Francisco de Borba veterano da Guerra do Paraguai, e seu filho mais velho, foram degolados durante a Revolução Federalista pelas tropas de Firmino de Paula. Maiores detalhes podem ser encontrados em: http://schleder.blogspot.com.br/2011_10_01_archive.html e CAVALARI, 2007, p. 78.
Vidal e Belmira casaram a 31.5.1857 Passo Fundo, foram pais de:
2. Clementina Francisca de Souza c/c Manuel Tristão Bueno.
3. Josefina Francisca de Borba
5. Nonato Francisco de Borba
6. Torquato Francisco de Borba
12. Leodato de Borba.
15. Honorato Francisco de Borba
Maiores detalhes podem ser encontrados em:
[39] Evaristo e Felicidade Foram pais de:
1. Vidal Francisco de Borba c/c Belmira Xavier Teixeira.
2. Eufrásia Francisca de Borba  c/c Atanásio Batista do Nascimento.
3. Guilhermina Francisca de Borba  c/c Antônio Mariano de Souza.
4. Fidência Francisca de Borba c/c José Francisco de Oliveira.
5. Herminio Francisco de Borba  c/c Silvina Maria dos Anjos
7. Emilia Francisca de Borba c/c Joaquim Fagundes dos Reis.
8. Trigentino de Borba
9. Rita Francisca de Borba
10. Elisia Francisca de Borba c/c Antônio Moreira Serrão.
11. Policarpo Francisco de Borba
12. Lucrecia Francisca de Borba c/c Antônio Rodrigues da Silva
Maiores detalhes sobre esta família podem ser obtidos em:
http://www.yasni.com/ext.php?url=http%3A%2F%2Fwc.rootsweb.ancestry.com%2Fcgi-bin%2Figm.cgi%3Fdb%3Dvaldenei%26amp%3Bid%3DI15431%26amp%3Bop%3DDESC&name=Mn%C3%A3+Xavier+Teixeira&cat=filter&showads=1
[40] Gaspar e Ana Felícia foram pais de:
1. Belmira Maria Xavier Teixeira  c/c Vidal Francisco de Borba.
2. Gaspar Xavier Teixeira Filho c/c Eleutéria de Almeida.
4. Francisca Xavier Teixeira 
5. Beltramo Xavier Teixeira 
6. Maria Adelaide Xavier Teixeira 
7. Antônio Xavier Teixeira 
8. Emilia Xavier Teixeira 
 9. Camila Xavier Teixeira
Mais detalhes sobre este casal podem ser encontrados em :
http://www.geni.com/people/Evaristo-Francisco-de-Borba/6000000009648578253
[41] Eufrásia casada em 2º matrimônio com José Cavalheiro do Amaral (F3 nesta genealogia)
[42] Dachs, Walter, HISTÓRICO DA VILA DE NOSSA SENHORA DOS PRAZERES DAS LAGEN, Jornal Guia Serrano, Lages/SC década de 1960, Museu Thiago de Castro Lages/SC.
"Maria Josefa do Amaral bat Lages em 25/12/1813 c/c Manuel Muniz de Moura natural de Sorocaba. Filho de Francisco de Paiva Muniz e Maria Antônia de Moura".
Cfe informação enviada por Tânia Arruda Kotchergenko, o inventário de Francisco M. de Moura( 1843) está relacionado no Livro de Controle de Inventários de Lages/SC, e deveria ser encontrado no Museu do Judiciario SC – Florianópolis/SC, porém tal processo não foi ainda localizado, o que nos permitiria, talvez, esclarecer sua descendência. http://lageshistorica.blogspot.com/
Francisco e Maria Antônia foram pais (a confirmar)
1. Manuel Muniz de Moura c/c Maria Josefa do Amaral.
2. Duarte Muniz Fogaça bat. Sorocaba casou 5.10.1827 Lages, com Rita Lourenço do Amaral filha de Manuel Cavalheiro Leitão e Mathilde do Amaral.
3. Antônio Muniz de Moura c/c Ana Muniz do Amaral.
[43] Cfe João Simões Lopes, em http://mitoblogos.blogspot.com.br/2009/06/genealogia-419-descendencia-de-manuel.html , Antônio e Alexandrina foram foram pais de 5 filhos:
1. Felisberto da Rosa Madruga c/c Angélica Silveira de Ávila.
2. Prudência Maria c/c Faustino Silveira de Ávila.
3. Maria Inácia c/c Francisco Antônio Valadão.
4. Antônio da Rosa Madruga c/c Alexandrina Ribeiro de Córdova.
5. Manuel da Rosa Calisto c/c Maria Antônia da Rosa.
[44] Em Cláudio Nunes em Pereira, (Organizador) em: Santa Catarina, Lages e Nordeste do Rio Grande Do Sul. Séculos XVII, XVIII E XIX, Manuel da Rosa e Josefa Maria foram pais de:
 1.Felisberto da Rosa Madruga c/c Angélica Silveira de Ávila.
2.Prudência Maria c/c Faustino Silveira de Ávila.
3.Maria Inácia c/c Francisco Antônio Valadão.
4.Antônio da Rosa Madruga c/c Alexandrina Ribeiro de Córdova.
5.Manuel da Rosa Calisto c/c Maria Antônia da Rosa.
[45] Bento Ribeiro de Córdova e Maria Jacinta, foram pais de: (Luiz Antônio Alves - MEMORIAL AÇORIANO, TOMO I)
1. Vidal Ribeiro de Córdova
2. Henrique Ribeiro de Córdova c/c Ana Maria do Amaral.
3. José Ribeiro de Córdova
4. Cândida c/c João Batista de Souza.
5. Maria Jacintha do Amaral c/c Joaquim da Rosa Madruga (inv 1850 Lages), pais de
Catarina 14 anos, c/c Fermiano da Cunha Passos, Anna Jacinta de Córdova 12 anos, c/c Marcos Pereira de Andrade (pais de Manuel Marcos Pereira de Andrade, Leocádia c/c Ramiro Pereira Gomes, Praxedes c/c José Antunes de Lima Cardoso, João Marcos Pereira de Andrade, Diamantino, Maria da Conceição, Maria Antônia, José e Juvenal) Bento Madruga de Córdova 10 anos, José 9 anos, Maria 7 anos, Marcos Madruga de Córdova 8 anos, Cândida 2 anos.
6. Alexandrina dos Prazeres e Córdova c/c Antônio da Rosa Madruga
7. Ana, 11 anos, dada como filha natural.