sábado, 10 de abril de 2010

Alemães no RS: os Sonnet

Alemães no RS: os Sonnet, nas Missões e no Planalto Médio

Autoria de: Diego de Leão Pufal e Zélce Mousquer
 [acréscimos, dúvidas e correções escreva para diegopufal@gmail.com]
[atualizado em 07/12/2015]

[Esta publicação pode ser utilizada pelo(a) interessado(a), desde que citada a fonte: PUFAL, Diego de Leão e MOUSQUER, Zélce. Alemães no RS: os Sonnet, nas Missões e no Planalto Médio, in blog Antigualhas, histórias e genealogia, disponível em http://pufal.blogspot.com.br/]
***
ABREVIATURAS UTILIZADAS:
“bat.” para “batizado(a)”
“c/c” para “casou com”
“fal.” para “falecido(a)”
“n.” para “nascido(a)”
***

   Os Sonnet emigraram para o Brasil no ano de 1827, chegando na cidade de São Leopoldo (RS) em 16/12/1827, representados pela matriarca Elisabeth Sonnet e quatro filhos imigrantes. A família “cruzou o Atlântico provavelmente no veleiro holandês Epaminondas, que partiu de Amsterdã em 7.7.1827 e chegou ao Rio de Janeiro em 28.9.1827 (...) do Rio de Janeiro para Porto Alegre viajou no costeiro Dido”, conforme escrevem Carlos Henrique Hunsche e Maria Astolfi (O Quadriênio ..., III, p. 1.473).
    A família radicou-se inicialmente em São Leopoldo, migrando após para Cachoeira do Sul, Santa Maria, Santo Ângelo e Alegrete.

***

1- NICOLAU SONNET, nasceu cerca de 1775 em Kreuznach, Alemanha, tendo falecido provavelmente durante a travessia do Oceano. Casou na Alemanha com Elisabeth Sonnet, nascida em 1778, em Kreuznach, Alemanha e falecida a 18/10/1855 em São Leopoldo, onde casou-se em segundas núpcias a 16/05/1828 (igreja Católica, 1-5v) com Sebastian Ritter, viúvo de Anna Maria Schuch. Nicolau e Elisabeth geraram:
2-1 Peter Sonnet (Pedro Sonnet), n. Alemanha. Casou em São Leopoldo a 31/08/1833 com Elisabeth Dill, filha de Nicolau Dill, falecida em 1837. Pedro Sonnet casou em 2ªs núpcias em Alegrete/RS com Maria Bernardina de Mello, n. Belém, Salto, Uruguai, filha de José Constâncio de Mello e de Florinda Antônia. Houve de seus casamentos os filhos:
3-1 Cirino Sonnet (f.º do 2º casamento), n. 07/10/1844, Alegrete.
3-2 Clementina Sonnet, n. 08/12/1847, Alegrete.
3-3 Pedro Sonnet, n. 20/09/1848, Alegrete.
3-4 Militão Sonnet, bat, 28/05/1865, com 2 anos, em Uruguaiana.
2-2 Catharina Sonnet, n. 1808, Alemanha e falecida a 10/11/1894 em São Leopoldo, onde se casou a 27/04/1829 com Johannes Köche, pais de pelo menos nove filhos, nascidos em São Leopoldo. Encontramos, porém, Catharina "Soneta" batizando dois filhos com o marido Johannes "Gueger", também da Alemanha, filho de Johannes "Gueger" e Elisabetha "Raibin"? na Igreja Católica de Cachoeira do Sul: Ludovina, n. 22/10/1832, bat. 21/11/1832 e Carlos, n. 04/01/1835, bat. 10/01/1835 em Cachoeira do Sul.
2-3 Elisabeth Sonnet, n. 1819, Daxweiler. Casou em 1ªs núpcias a 07/07/1839 em São Leopoldo com August Ludwig Weinmannfilho de João Guilherme Weimann e Maria Christina Maier, gerando pelo menos 4 filhos, em São Leopoldo. Casou em 2ªs núpcias na mesma cidade a 22/04/1871 com Johann Christian Fischer (n. 24/03/1810 em Ratzburg, Alemanha e falecido a 09/11/1876 em São Leopoldo), viúvo de Anna Maria Roos.
2-4 Bartolomeus Sonnet, n. 1820, Kreuznach ou Wellstein, Alemanha. Casou a 21/10/1843 em Cachoeira do Sul/RS, com Christina Feldmann, n. 08/04/1827, São Leopoldo, filha de Philipp Feldmann (n. 1781, Grünberg, Hessen, Alemanha e fal. 02/01/1852, Santa Maria) e de Maria Christine Kräuter (n. 1787, Grünberg, Hessen, Alemanha e fal. 28/03/1874). Após o falecimento de Bartolomeu, sua viúva casou em São Leopoldo a 07/12/1858 com Johann Holzbach, nascendo deste consórcio, dentre outros, a filha: Christina Holzbach depois casada com Wilhelm Fischer, já citados neste blog: http://pufal.blogspot.com/2008/10/os-fischer-i.html). Bartolomeu foi sapateiro em Cachoeira do Sul e Santa Maria, deixando ao menos duas filhas conhecidas:
3-1 Carolina Luísa Sonnet, n. cerca de 1840/1850, provavelmente em Cachoeira do Sul e faleceu a 28/12/1886 em Santo Ângelo/RS (sua mãe é dada às vezes como Carolina Sonnet). Casou-se com Johann Jacob Albrecht (João Jacó), n. cerca de 1837 em Niederlinxweiler, Alemanha, falecido a 11/08/1892 em Santo Ângelo/RS, cuja ascendência pode ser conferida neste blog, em http://pufal.blogspot.com.br/search/label/fam%C3%ADlia%20Albrecht, deixando onze filhos:
4-1 Henrique Otávio Albrechtn. em torno de 1863 e f. a 13.07.1931, aos 67 anos, distrito missioneiro de Entre-Ijuís. Casou em 08.06.1884, Santo Ângelo/RS, com Rosalina Fuchs, filha de Felipe Fuchs e Joaquina Francisca dos Santos. Residentes em São Nicolau/RS.
4-2 Carlos Mena Albrecht, n. 04.01.1866, Santo Ângelo e fal. a 27.06.1925, em Montevidéu, Uruguai, casado a 29.04.1911 em Montenegro/RS com Maria Davina Daudt, nascida a 23.08.1885, Montenegro/RS, onde fal. a 23.4.1926, filha de Frederico Daudt e Rita Martins da Rocha (com descendência descrita em: http://freepages.genealogy.rootsweb.ancestry.com/~korndorfer/daudt_genealogia.htm). Com geração descrita em http://pufal.blogspot.com.br/search/label/fam%C3%ADlia%20Albrecht.
4-3 Rosalina Albrecht, nascida em 22.5.1868, casada com Gabriel João Beck que nasceu em 25.9.1878 e faleceu em 22.4.1923 Santo Ângelo/RS, filho de Margarida Beck. Com geração descrita em http://pufal.blogspot.com.br/search/label/fam%C3%ADlia%20Albrecht.
4-4 Christina Albrecht, n. em torno de 1870 e f. a 1º.04.1897, São Borja/RS. Casada com Gabriel João Beck, n. 25.09.1878 e f. a 22.04.1923, Santo Ângelo/RS, filho de Margarida Beck. Moradores de Cruz Alta/RS. João Gabriel casou em 2º matrimônio com a cunhada Rosalina Albrecht. Com geração descrita em http://pufal.blogspot.com.br/search/label/fam%C3%ADlia%20Albrecht.
4-5 Leopolda Albrecht, nascida 25.11.1872, Santo Ângelo/RS, onde se casou em 1895, com Carlos Fuchs, nascido em 18.8.1868, Santo Ângelo/RS, onde faleceu em 11/1/1913, filho de Pedro Fuchs (ver família de Pedro Fuchs) e Catharina Fuchs. Casal sem descendência. Leopolda casa em 2º matrimônio, aos 43 anos em 18.3. 1916 com Ernesto de Aguiar Kruel, 42 anos (fora casado anteriormente com Rosalina Baptista Kruel com quem teve 5 filhos), filho de Christiano Kruel Sobrinho e Zelinda de Aguiar Kruel (v. família Kruel em Família Kruel: http://familia-kruel.blogspot.com.br/). Casal sem descendência.
4-6 Júlio Albrecht, n. 18/08/1874, Santo Ângelo, onde casou em 1896 com Ernestina Cassel, nascida em 2.1.1874, Santo Ângelo/RS, filha de João Cassel nascido em São Leopoldo, católico, e de Anna Biermann nascida em 29.5.1847, São Borja/RS, onde foi batizada em 29.5.1848, n.p. José Cassel e Catharina Elisabetha (Isabela), n.m. João Henrique Biermann e Henriqueta Kruel. Pais de:
5-1 Eurico Albrecht, nasceu em 23.1.1897, Santo Ângelo/RS, onde se casou em1920 com Octacilia Fernandes Maia, nascida em 25.10.1898 filha de Galdino Luiz Fernandes que nasceu em 29.6.1868 e Elisa Fernandes Maia que nasceu em 25.8.1880.
5-2 Amadilda Albrecht, n. 16/04/1900, Santo Ângelo/RS, onde faleceu em 26.2.1987. Casou no mesmo município em 23/09/1922 com Ernesto Cardoso de Aguiar (v. família Cardoso de Aguiar neste blog) filho de Delphino Cardoso de Aguiar falecido em 2.7.1915 e Henriqueta Kruel de Aguiar (v. família Kruel em http://familia-kruel.blogspot.com/). Os avós paternos de Ernesto C. de Aguiar foram João Cardoso de Aguiar e Rosa Constancia da Silva Machado. Seus avós maternos foram Frederico Kruel e Generosa Quaresma. O casal deixou 3 filhos:
6-1 Cyrene Albrecht Aguiar, nasceu em 20.6. 1923. Casou em 26.12.1942, Entre-Ijuis, distrito de Santo Ângelo/RS, com Leonardo Martins Lubini, nascido em 12.10.1917 em São Luiz Gonzaga/RS, RS e falecido em 14.6.1968Entre-Ijuís, filho de Leonardo Lubini e Josefina Lubini. 2 filhos.    
6-2 Delphino Cardoso Aguiar, nasceu 3.7.1930, Entre-Ijuis e faleceu em 29.4.2001, Santa Maria/RS, tendo exercido o Apostolado Marista em Livramento, Cruz Alta (Ginásio Cristo Redentor), Getúlio Vargas, Erechim, Passo Fundo (Instituto Marcelino Champagnat), Uruguaiana, São Gabriel, Santa Maria. Foi diretor Interino do Colégio Cristo Rei de Getúlio Vargas/RS, 1964.
6-3 Júlio Cardoso Aguiar, n. 17.4.1933 e faleceu em17.4.1934.
5-3 Alcides Cassel Albrecht nasceu em 3.4.1902 e faleceu em 21.4.1949, casou com sua prima Gasparina Romy Albrecht Chamum, nascida em 14.2.1898 e falecida em 23.10.1972, filha de Miguel Chamun, libanês e Amantina Albrecht. Pais de dois filhos.
5-4 Hilda (Dica) Cassel Albrecht casada com Dorival Mello.
5-5 Colotario Cassel Albrecht casado com Maria (Marica).
5-6 Gomercindo Cassel Albrecht casado com Adi.               
5-7 Armando Cassel Albrecht casada com Juvência.                     
4-7 Ana Albrecht, n. 30.06.1876, bat. 15.08.1876, Santo Ângelo/RS, tendo como padrinhos João e Anna Cassel. Ana faleceu a 24.11.1957, às 05 horas, Inhacorá/RS, doméstica, aos 81 anos. Casada em 1896, 2º distrito de Santo Ângelo, comLibindo Rolim de Moura, n. 22.11.1872, Santo Ângelo/RS, onde faleceu a 23.08.1932, filho de Vidal Rolim de Moura e Francelina Rolim dos Reis. Os avós paternos de Libindo foram Bento Rolim de Moura e Eufrásia Florisbela Taborda. Seus avós maternos foram Amâncio Antônio dos Reis e Maria Joaquina Côrtes Taborda. O casal Ana e Libindo teve oito filhos: Ibanez, João, Jenny, Concórdia, Celeste, Romy, Vilma e Oliva. Com geração descrita em http://pufal.blogspot.com.br/search/label/fam%C3%ADlia%20Albrecht.
4-8 Amantina Albrecht, nascida em 9.8.1878, Santo Ângelo/RS, onde se casou em 1896, aos 18 anos com Miguel Chamum, 26 anos, natural de Beirute/Síria, filho de Isahy Chamum e Milani Suffi. Pais de:
5.1 Gasparina Romy Albrecht Chamum, n. 14.2.1898, Santo Ângelo e fal. a 23.10.1972. C/c seu primo Alcides Cassel Albrecht, acima citados.
5.2 Benicio Chamum, nascido em 13.4.1899, Santo Ângelo/RS, onde irá casar-se em 1926, com sua prima, Rony Rolim de Moura, nascida em 22.6. 1910 no 2º distrito de Santo Ângelo/RS, filha de Libindo Rolim de Moura e Anna Albrecht.
4-9 Concórdia Albrecht n. 25.02.1882 e f. 26.4.1980. Casou em 1908, Santo Ângelo/RS, com Henrique Grass, n. 23.03.1882 e f. 27.07.1947, filho de Carlos Frederico Grass (Carl Friedrich Kras[5]) e Maria Eva Hoffmann, neto paterno de Johann August Moritz Kras (João Augusto Maurício Krass) e Catharina Dorothea Poesch, nascidos na Alemanha, e neto materno de Johann Philipp Hoffmann e Maria Magdalena Zimmermann, nascidos na Alemanha.
4-10 Guilhermino Albrechtn. em torno de 1882, comerciante. Casado em 1914 com Emília Demétrio Beck, n. em torno de 1887, filha de Matheus Beck Sobrinho e de Carlota Demétrio Beck. Os avós paternos de Emília foram Jacob Beck e Emília. Neta materna de Antônio Demétrio Machado (f. 13.05.1864, Palmeira das Missões/RS), e de Ana Francisca de Oliveira.
4-11 Celina Albrecht, n. em torno de 1885.
3-2 Juliana Luíza Sonnet, n. 23/05/1844 em Cachoeira do Sul ou Santa Maria. Casou em 1ªs núpcias a 28/10/1860 em Santa Maria, com Manuel Corrêa Ferreira da Silva, n. 08/12/1827, Capela de Santana/RS e falecido a 02/03/1866, Santa Maria, filho de José Corrêa Ferreira da Silva e de Maria do Carmo de Santo Antônio (já citados neste blog: http://pufal.blogspot.com/2008/07/corra-da-silva-iii.html). Casou em 2ªs núpcias na igreja evangélica de Porto Alegre, a 09/06/1868, com Johann Adam Weber, n. 22/12/1834, Hildesheim, Hessen, Alemanha, barbeiro de profissão e residente em Santa Maria, filho de Jacob Weber e de Anna Maria Bambach. Houve do primeiro casamento três filhos e, do segundo, no mínimo, dois filhos, que seguem:
4-1 Josefina Corrêa da Silva, n. 10/01/1862, Santa Maria/RS, e falecida a 21/06/1954 em Porto Alegre, onde casou com o francês (Jules) Gustav Maynard, nascido a 12/04/1856 em Rompsay, Perigny, La Rochelle, Charente-Maritime, França, tendo falecido em Paris em 24/10/1929. Houve desse casamento sete filhos.
4-2 João Corrêa Ferreira da Silva, o conhecido “João Corrêa”, foi grande figura histórica, tendo sido prefeito de Canela, São Leopoldo e Novo Hamburgo e empreendedor de várias estradas de ferro no Rio Grande do Sul, juntamente com o irmão Agnello. Dá nome às ruas de várias cidades do Vale do Rio dos Sinos. João nasceu a 17/02/1863 em Santa Maria, tendo falecido a 16/03/1928 em São Leopoldo. Foi casado com Maria Luiza Frederica Burmeister com quem teve nove filhos. De outro relacionamento com Bertha Hoffmann houve mais seis filhos.
4-3 Agnello Corrêa da Silva, n. 30/12/1864, Santa Maria, onde casou com Amália Paust, ali nascida em 1871, filha de Henrique Paust e de Ernestina Rampina Picolli. Agnello foi engenheiro e sócio de seu irmão João. Teve oito filhos.
4-4 José Frederico Weber, n. 1869 em Cachoeira do Sul, casando-se a 05/08/1890 em Lomba Grande (São Leopoldo, hoje Novo Hamburgo) com Maria Emília da Silva, filha de Francisco José da Silva e de Anna Maria Rick.
4-5 Albino Hilário Antônio Weber, n. 16/05/1879, São Leopoldo.
***


FONTES:
- Arquivos pessoais de: Diego de Leão Pufal, Gilson Justino da Rosa, José Antônio Brenner, Nelson Soares Keffer e Zélce D. Mousquer e Jacintha Kruel de Almeida.
- Família Kruel em: http://familia-kruel.blogspot.com/
- HUNSCHE, Carlos H. e ASTOLFI, Maria. O Quadriênio 1827-1830 da Imigração e Colonização Alemã no Rio Grande do Sul. Porto Alegre: G&W Artes Gráficas, 2004.
- ROSA, Gilson Justino da. Imigrantes alemães 1824-1853. Porto Alegre, EST, 2005.

2 comentários:

carolmcys disse...

Diego que fantastico...achei minha familia aqui... Minha trisavó Carolina Luisa Sonnet,meu trisavø Joao Jacob A;brecht, meus bisavós Anna Albrecht eLibindo Rolim de Moura.
Sou neta da Geni (que na verdade se escreve Jenny) Rolim de Moura, que foi casada com Paulo Amarante Machado e teve quatro filhos. Clayton Rolim de Moura Machado, Joao Alberto Machado, Fernando Machado e Ana Eni Machado Millan (minha mae).
Muito legal parabens!!
Carolina

DIEGO DE LEÃO PUFAL disse...

Obrigado Carolina pelas correções e acréscimos. Se tiveres outras, escreva.